Notícia

Vercelli ganha pontos na corrida à manutenção

Dec 19, 2018

Fotos: PhotoFortina

Com portugueses nos dois emblemas, o Amatori Vercelli venceu esta terça-feira o Bassano por 4-3.

A tentarem distanciar-se dos indesejáveis dois últimos lugares, que valem a despromoção à Série A2, Amatori Vercelli e Bassano encontraram-se esta terça-feira para encerrar a 11ª jornada.

João Silva (“Janeka”) bisou…

A jogar perante o seu público, o técnico português Sérgio Silva viu o seu Vercelli adiantar-se aos sete minutos com um golo do também português João Silva (“Janeka”). Outro português, Diogo Neves, repôs a igualdade aos 11 minutos e meio, igualando Victor Crespo no estatuto de melhor marcador dos “gialorossi” ao bater outro jogador nascido em solo luso em pista, Francisco Veludo.

Diogo Neves e Francisco Veludo têm sido as figuras maiores mais destacadas nas suas equipas neste arranque de temporada, mas seria Janeka a chamar novamente a si os holofotes quando, logo após o golo “bassanese”, bisou para voltar a dar vantagem ao Vercelli com o seu sexto golo na Série A1.

… Diogo Neves também apontou dois golos…

A resposta imediata foi fundamental, até porque o Bassano não mais viria a conseguir anular a desvantagem. Já nos derradeiros dois minutos da primeira parte, o catalão David Ballestero ampliou para 3-1 e o melhor que a equipa de Massimo Barbieri logrou foi reduzir para 3-2 antes do descanso, por Mattia Baggio.

Francisco Veludo, João Silva e Diogo Neves têm em comum a passagem pelo “Tigres” de Almeirim. Veludo e Janeka chegaram a representar o clube almeirinense - em que Diogo Neves se iniciou - na I Divisão.

Já na segunda parte, Victor Crespo dispôs de uma grande penalidade, mas “Xico” Veludo – apontado como o melhor jogador em pista - segurou a vantagem do Vercelli, reforçada por Matteo Brusa a cinco minutos do final. Diogo Neves, apontando o seu 14º golo da prova - que o coloca no sétimo lugar da lista de melhores marcadores, em igualdade com Montivero – ainda relançou a incerteza no desfecho do jogo, mas o 4-3 seria final.

… mas seria o guarda-redes Francisco Veludo a granjear os maiores elogios no final do encontro

Com este triunfo, o Vercelli passa a somar 11 pontos, oito acima dos lugares de descida. A equipa de Sérgio Silva pode reforçar a vontade de ficar no escalão maior já no próximo sábado – há jornada a 22 e 29 de Dezembro – na deslocação à pista de um Thiene que é penúltimo, mas que estará moralizado pela sua primeira vitória na prova nesta jornada.

O Bassano, com sete pontos, desloca-se à pista do líder Lodi e, com claro favoritismo do bicampeão, esperará pelo menos manter a distância para a zona “vermelha”, onde estão Thiene (três pontos) e Sandrigo (dois).

Série A1 – 11ª jornada

Resultados

• Trissino 1-4 Breganze

• Scandiano 5-2 Forte

• Viareggio 6-1 Sarzana

• Follonica 6-1 Valdagno

• Sandrigo 3-10 Thiene

• Monza 2-6 Lodi

• Amatori Vercelli 4-3 Bassano

Classificação

1º Lodi (25), 2ºs Forte e Valdagno (23), 4º Follonica (21), 5º Sarzana (20), 6ºs Viareggio e Breganze (18), 8º Scandiano (17), 9º Monza (16), 10º Trissino (14), 11º Amatori Vercelli (11), 12º Bassano (7), 13º Thiene (3), 14º Sandrigo (2)

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade