Notícia

Após longa paragem, arranca o campeonato mais exigente

Sep 25, 2020

Foram umas longas “férias” desde que a 7 de Março se realizou a 19ª jornada do Campeonato Nacional da I Divisão, edição de 2019/20.

Interrompidas – e depois canceladas – as competições, seguiram-se discussões sobre uma eventual retoma e, gorada essa hipótese, novas discussões sobre descidas e subidas. Após um mercado “mexido”, a “liguilha” condenou Física (que abdicou da disputa) e Paço de Arcos à II Divisão, permitiu a’Os Tigres manter-se no escalão maior e traz de volta o Tomar, uma época depois, e o Famalicense, 14 anos volvidos sobre a última presença entre os primodivisionários.

Depois de anos de forte investimento, chegam às quatro principais potências apenas dois jogadores de além-fronteiras: Lucas Martinez (na foto) para a Oliveirense e Sergi Aragonés para o Benfica

Este sábado, mais de duas centenas de dias depois, a I Divisão volta aos rinques. E para uma temporada em que, com o regresso do playoff, pouco tempo há para respirar…

De 26 de Setembro a 26 de Junho, só em competições nacionais, podem ser 48 jogos – ou até 53 desde o início de Setembro, na hipótese de uma equipa da Liguilha chegar à final do playoff –, entre Campeonato (26 da fase regular e potenciais 13 no playoff), seis na Taça de Portugal e três na nova Taça 1947. Os 48 jogos são nada menos que mais 10 jogos do que o máximo que ará uma equipa espanhola, chegando à final da Taça do Rei…

A Taça 1947, agendada para 9 a 13 de Dezembro, baliza a primeira volta. Até 5 de Dezembro, em cerca de 70 dias, estão marcadas 13 jornadas, ao cabo das quais as oito equipas mais bem classificadas se apuram para a nova prova.

Na sua ambição de ombrear com os quatro principais favoritos, Rui Neto trabalhará com um plantel de 12 no Óquei de Barcelos, e são várias as equipas que planeiam a temporada com mais do que os habituais 10

De resto, a necessidade de antecipação do fecho das 26 jornadas para que a decisão seja em playoff, tem um impacto claro no ritmo do campeonato. Se em 2019/20, a I Divisão começou a 12 de Outubro e terminou a 23 de Maio, sem qualquer jornada agendada para meio da semana, a conclusão das mesmas 26 jornadas em 2021, a 24 de Abril – com Taça 1947 e toda a Taça de Portugal pelo meio –, obrigará a três jornadas na íntegra a meio da semana (7ª, 18ª e 21ª), para além dos já habituais acertos em função das competições europeias.

Mas, evitando projectar um futuro que, nos dias pandémicos que correm, é incerto (estando definidas as regras para o caso de suspensão ou interrupção), importa para já a ronda inaugural da I Divisão. Que, por capricho do sorteio, começa – de certa forma – onde terminou. Aquando da interrupção, a 11 de Março, Benfica e Porto preparavam para se defrontar na Luz. Ironia do destino, o Clássico será o jogo grande da próxima jornada. A primeira de 2020/21.

Campeonato arranca onde ficara, com um Clássico entre Benfica e Porto

Em Março, noutra temporada, o Benfica liderava e o Porto era quarto, a sete pontos. Agora, partem em igualdade. Sem pontos, e com os mesmos 23 títulos para cada um, tendo os encarnados celebrado a conquista pela última vez em 2016, ao passo que o Porto, campeão em 2019, parte como detentor do título.

De um lado e de outro dos rivais, duas mudanças. No Benfica saíram os campeões da Europa - e ex-campeões do Mundo - Albert Casanovas e Jordi Adroher e entraram Danilo Rampulla e Sergi Aragonés. Do Porto partiram Andrés Castaño e Sergi Miras e chegaram Ezequiel Mena e Xavi Barroso.

Nesta ronda inaugural, destaque também para os jogos dos três primeiros da Liguilha que vão para o sexto jogo em 21 dias. O Tomar desloca-se a Valongo, Os Tigres recebem o Sporting e em Famalicão há dérbi minhoto com a recepção ao Óquei de Barcelos.

Há grandes espectáculos em perspectiva, mas a presença de público não está autorizada e os jogos realizar-se-ão à porta fechada.

I Divisão 2020/21 – 1ª jornada

• Benfica vs. Porto • 26.Set • 16h

• Sanjoanense vs. Riba d'Ave • 26.Set • 17h30

• Famalicense vs. Óquei de Barcelos • 26.Set • 18h

• Oliveirense vs. Juventude de Viana • 26.Set • 18h

• Os Tigres vs. Sporting • 26.Set • 18h

• Valongo vs. Tomar • 26.Set • 18h30

• Turquel vs. Braga • 26.Set • 21h

I Divisão 2020/21 – Planteis

Sport Lisboa e Benfica

Guarda-redes: Marco Barros ("Tuga") e Pedro Henriques

Jogadores de pista: Carlos Nicolía, Danilo Rampulla (ex-Braga), Diogo Rafael, Edu Lamas, Gonçalo Pinto, Lucas Ordoñez, Miguel Vieira, Sergi Aragonés (ex-Noia, ESP) e Valter Neves

Treinador: Alejandro Dominguez

Sporting Clube de Portugal

Guarda-redes: Ângelo Girão e José Diogo

Jogadores de pista: Alessandro Verona, Álvaro Morais (ex-Óquei de Barcelos), Ferran Font, Gonçalo Nunes (ex-Óquei de Barcelos), Gonzalo Romero, João Souto, Matias Platero, Pedro Gil, Telmo Pinto e Toni Pérez

Treinador: Paulo Freitas

União Desportiva Oliveirense

Guarda-redes: Nelson Filipe e Xavier Puigbi

Jogadores de pista: Franco Ferruccio (“Tato”, ex-Óquei de Barcelos), Henrique Magalhães, João Almeida, Jordi Bargalló, Jorge Silva, Lucas Martinez (ex-Lodi, ITA), Marc Torra, Pedro Moreira (ex-Física) e Vítor Hugo

Treinador: Paulo Pereira (ex-Óquei de Barcelos)

Futebol Clube do Porto

Guarda-redes: Tiago Rodrigues e Xavier Malián

Jogadores de pista: Carlo Di Benedetto, Daniel Oliveira (“Poka”), Ezequiel Mena (ex-Óquei de Barcelos), Giulio Cocco, Gonçalo Alves, José Rafael Costa (“Raa”), Reinaldo Garcia e Xavier Barroso (ex-Oliveirense)

Treinador: Guillem Cabestany

Óquei Clube de Barcelos

Guarda-redes: Bautista Acevedo (ex-Concepción, ARG), Constantino Acevedo ("Conti", ex-Braga) e Bruno Ferreira ("Joka")

Jogadores de pista: Dario Gimenez (ex-Valdagno, ITA), João Guimarães (“Joca”, ex-Braga), José Pedro, Luís Querido, Miguel Rocha, Nicolás Gutierrez (ex-Union Estudiantil, ARG), Raa Lourenço (ex-Paço de Arcos), Reinaldo Ventura (ex-Trissino) e Tomás Pereira (ex-Riba d’Ave)

Treinador: Rui Neto (ex-Braga)

Hóquei Clube de Braga

Guarda-redes: Gabriel Costa e Leonardo Pais (ex-Valongo)

Jogadores de pista: Afonso Lima, Ângelo Fernandes, António Trabulo, Carlos Loureiro, Diogo Seixas (ex-Riba d'Ave), Gonçalo Meira (ex-Óquei de Barcelos), Miguel Moura (ex-Valongo) e Pedro Delgado ("Bekas")

Treinador: Hugo Azevedo (ex-Riba d'Ave)

Hóquei Clube de Turquel

Guarda-redes: Diogo Almeida e Gonçalo Duarte

Jogadores de pista: Afonso Severino, André Moreira, André Pimenta, Daniel Passos, Tiago Mateus, Tiago Rafael (ex-Reus, ESP), Tomás Moreira (ex-Noisy Le Grand, FRA) e Vasco Luís

Treinador: João Simões

Associação Desportiva Sanjoanense

Guarda-redes: Marco Lopes e Tiago Freitas

Jogadores de pista: Alex Mount, Facundo Navarro, Hugo Santos, João Cruz, João Lima, Pedro Cerqueira, Pedro Rego, Tiago Almeida e Xavier Cardoso

Treinador: Vítor Pereira

Riba d'Ave Hóquei Clube

Guarda-redes: Diogo Fernandes e João Gomes (ex-Os Limianos)

Jogadores de pista: Andres Castaño (ex-Porto), Daniel Pinheiro, Dinis Abreu, Facundo Bridge (ex-Liceo), Gustavo Pato (ex-Benfica Sub-19), João Pedro (ex-Valongo), Miguel Fortunato (ex-Benfica Sub-19) e Nuno Pereira ("Miccoli")

Treinador: Raul Meca Lopes (ex-Valongo Sub-19 e Sub-17)

Associação Desportiva de Valongo

Guarda-redes: Bernardo Mendes e Ricardo Silva (ex-Óquei de Barcelos)

Jogadores de pista: Carlos Ramos (“Carlitos”), Diogo Abreu, Diogo Barata, Diogo Fernandes, Guilherme Silva, Hugo Barata (ex-Carvalhos), Nuno Araújo, Nuno Santos (ex-Juventude de Viana), Rafael Bessa e Rúben Pereira

Treinador: Edo Bosch (ex-Sem clube)

Associação Juventude de Viana

Guarda-redes: Bruno Guia e Jorge Correia

Jogadores de pista: Diogo Casanova (ex-Riba d'Ave), Francisco Silva, Gonçalo Neto, Gustavo Lima, João Pedro Pereira, Nelson Pereira, Pedro Batista (ex-Paço de Arcos) e Remi Herman

Treinador: André Azevedo

Sporting Clube de Tomar

Guarda-redes: António Marante e Francisco Veludo (ex-Breganze, ITA)

Jogadores de pista: Alexandre Marques (“Xanoca”), Anderson Silva (“Nery”), Filipe Almeida, Hernâni Diniz, Ivo Silva, João Lomba (ex-Turquel), Paulo Passos, Pedro Martins e Ruben Sousa

Treinador: Nuno Lopes

Hóquei Clube Os Tigres

Guarda-redes: Igor Alves (ex-Candelária) e Pedro Santos

Jogadores de pista: André Martins (“Keke”), David Diogo, Diogo Alves (ex-Juventude Salesiana), Filipe Bernardino, Hernâni Domingos, João Maló, Miguel Feio e Paolo Dias (ex-Benfica Sub-19)

Treinador: André Luís

Famalicense Atlético Clube

Guarda-redes: João Martins e Manuel Silva

Jogadores de pista: Gonçalo Silva, Hugo Costa, Juan Jose López ("Juanjo", ex-Braga), Nuno Silva, Pedro Mendes (ex-Valongo), Pedro Silva, Renato Castanheira (ex-Infante Sagres) e Rui Silva

Treinador: Vítor Silva

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade