Notícia

Há Derbi na decisão!

May 23, 2015

O Sporting venceu a Oliveirense por 1-4 e juntou-se ao Benfica na final da Taça de Portugal.

Com um histórico de duas vitórias para a Oliveirense, uma para o Sporting e um empate nos quatro embates entre as duas equipas esta época, antevia-se uma meia-final equilibrada.

Os leões adiantaram-se cedo. Estava decorrido pouco mais de dois minutos quando André Moreira rematou forte de meia distância para bater Diogo Almeida, habitual guarda-redes da Oliveirense nos jogos da prova rainha.

André Moreira remate para o primeiro da partida

Privada de Tó Silva cedo, tocado, a Oliveirense atacou com Montivero e o argentino apontaria aos 10 minutos o golo do empate. O Sporting recolhia no seu habitual bloco baixo e a Oliveirense procurava desfeitear Girão de todas as maneiras mas sem sucesso. No entanto, fica a dever também a si própria uma vantagem no recolher aos balneários, tendo desperdiçado um livre directo (Gonçalo Alves) na sequência de um azul a João Pinto, a vantagem numérica que daí adveio e uma grande penalidade (Albert Casanovas).

Na etapa complementar, André Moreira voltou a dar vantagem à equipa verde-e-branca para, já nos dez minutos finais, André Pimenta fazer – com uma sublime picadinha – o 1-3.

André Pimenta festeja o terceiro dos leões

Com dois golos de desvantagem, a Oliveirense desesperou e correu (e rematou) para reduzir. Mas, entre as caneleiras dos destemidos leões e as defesas de Girão, a bola não entrava. A quatro minutos do final a partida ficaria decidida com um azul a Gonçalo Alves. O Sporting falhou o livre directo e depois falhou uma grande penalidade mas a Oliveirense acusou o cansaço de toda uma época e, em desvantagem numérica, viu os leões chegarem ao 1-4, no livre directo a castigar a 10ª falta. Haveria ainda tempo para mais um livre directo para o Sporting mas o jovem André Gaspar não conseguiu bater Diogo Almeida.

Derbies decisivos

A vitória sobre a Oliveirense coloca o Sporting numa final com o Benfica. Na última final da Taça em que o Sporting esteve presente, o adversário foi precisamente o Benfica. Na altura, os encarnados venceram copiosamente por 11-3, naquela que foi a segunda final entre os eternos rivais. Antes, tinham-se defrontado em 1980, com a vitória a sorrir também ao Benfica mas, dessa feita, por um tangencial 1-0.

Benfica venceu as duas partidas do campeonato frente ao Sporting

As águias procuram a sua 15ª vitória na Taça, enquanto os leões procuram a quinta, numa época em que as duas equipas já se defrontaram por duas vezes. Na jornada inaugural do campeonato o Benfica venceu por 3-2 e no arranque da segunda volta a equipa de Pedro Nunes voltou a vencer, por expressivos sete golos sem resposta.

Sala de Imprensa

Jogos relacionados

UD Oliveirense
1 : 4
23 Mai 17h00
Sporting CP
Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade