Notícia

Reforços confirmados no Sporting

Jan 26, 2016

O treinador Guillem Perez e os jogadores Caio, Sergi Miras e Pedro Gil são reforços confirmados no Sporting que atacará a próxima época.

Enquanto o Sporting, sob o comando de Nuno Lopes, se aproxima paulatinamente dos lugares cimeiros, estando agora a apenas quatro pontos dos lugares de acesso à Liga Europeia, a próxima temporada está a ser tranquila e atempadamente preparada. Guillem Perez já assinou e os jogadores rubricarão contrato, se tudo correr como previsto, esta sexta-feira.

Guillem Perez com a selecção espanhola de Sub-20 no último Mundial

Os rumores já tinham chegado à comunicação social e passam agora a certezas. Guillem Perez, ex-seleccionador espanhol de Sub-20 – sagrou-se vice-campeão europeu e Mundial - e actual treinador do Vendrell, assumirá o comando técnico dos leões. Pese este ser o primeiro ano do técnico à frente de uma equipa sénior, a estrutura leonina entende que aos 33 anos – completa 34 em Fevereiro – tem o perfil ideal para um projecto que se quer vencedor, e Guillem já assinou um compromisso por duas temporadas.

Também de Vendrell chega Sergi Miras. Alvo do interesse do Benfica no passado e associado ao FC Porto em particular depois da chegada ao comando técnico dos dragões de Cabestany, seu ex-treinador no Vendrell, o defensor que já representou Liceo e Barcelona ruma enfim a Portugal à beira de completar 30 anos. Miras chegou ao Vendrell em 2013 e não tardou a afirmar-se como o seu jogador “franquicia” (referência de equipa), assumindo mesmo o posto de capitão.

O Vendrell falhou no fecho da primeira volta a presença na Taça do Rei, garantida aos oito primeiros classificados da OK Liga. Na Liga Europeia, a presença nos quartos-de-final foi garantida e os “rojinegros” poderão defrontar o Benfica.

Outro catalão a caminho dos verde-e-brancos é Pedro Gil. Dispensando apresentações em Portugal, o competitivo capitão da selecção espanhola e do Forte dei Marmi não dá sinais de abrandamento, mesmo à beira de completar 36 anos. Na última jornada realizada para a Liga Europeia, precisamente em Vendrell, apontou cinco dos seis golos da sua equipa, numa impressionante demonstração de vontade, força e técnica. O Forte dei Marmi está apurado para os quartos-de-final da mais importante prova europeia de clubes.

Pedro Gil dispensa apresentações

Este será o quarto capítulo da história de Gil em Portugal. Aos 20 anos estreou-se no principal campeonato português pelo Infante Sagres, saltando daí para o Porto aos 22 anos para cinco temporadas de sucesso. Regressaria ao Porto, que considera a sua segunda casa, em 2009, depois de duas épocas ao serviço do Reus. Deixou Portugal pela última vez em 2012, resistindo – até agora – aos apelos de Oliveirense e Sporting para regressar ao campeonato português.

De mais perto chega Caio. O internacional português completou 34 anos e já no último defeso foi falado para um Sporting onde actualmente joga o irmão, Daniel Oliveira (“Poka”). No entanto, acabaria por rumar a Oliveira de Azeméis com os ex-colegas dragões, Pedro Moreira e Ricardo Barreiros, para além do técnico Tó Neves.

Caio, agora na Oliveirense, já representou Porto e Benfica

Caio é um tecnicista de créditos firmados e o compromisso de três épocas com o Sporting torná-lo-á um caso raro – no passado recente haverá apenas memória do caso de Filipe Gaidão – a vestir a camisola dos denominados “três grandes do futebol” no contexto do hóquei em patins. Na sua carreira, o atacante representou o FC Porto em três momentos distintos, os dois últimos intercalados por duas épocas ao serviço do Benfica.

Casa composta?

Estes três reforços certos – havendo interesse em Henrique Magalhães e Vieirinha – obrigarão a mexidas no plantel actual. Poka poderá ser cedido por empréstimo e são certas as saídas de Ricardo Figueira – que deverá abandonar – e Tiago Losna, ambos a terminarem o vínculo com os leões.

Ao contrário do veiculado por A Bola e O Jogo, Miguel Vieira (“Vieirinha”) ainda não se comprometeu nem com Sporting nem com Benfica para 2017/18. O bicampeão do Mundo de Sub-20 não verá com bons olhos um compromisso para daqui a época e meia e, a não haver propostas noutro sentido, procurará consolidar a sua afirmação no Óquei de Barcelos mais uma época.

Perfila-se assim – e para já - um elenco constituído por Ângelo Girão e Zé Diogo Macedo (guarda-redes), Estebán Abalos, André Centeno, Sergi Miras, João Pinto, Caio, Pedro Gil, Cacau e Luís Viana. Mas, mesmo com contrato em vigor para a próxima temporada, poderão registar-se mais algumas alterações.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade