Hoje na Imprensa!

Pedro Nunes e o que falta jogar

Apr 22, 2016

Recorte: Record

Uma entrevista a Pedro Nunes sobre a entrada na recta final do campeonato é o destaque nas edições dos jornais diários desportivos desta sexta-feira, 22 de Abril.

O Record esteve à conversa com o treinador do Benfica na antevisão do jogo com o Valongo e do que falta jogar no campeonato. “Campeonato ainda não está decidido”, avisa Pedro Nunes na chamada a título. O técnico encarnado, que frisa que do segredo do líder da prova é “nunca facilitar, mesmo em vantagem”, alerta para a dificuldade dos jogos que se avizinham.

O Benfica desloca-se este fim-de-semana a Valongo, no seguinte acerta calendário no Pico e, já em Maio, em vésperas da Liga Europeia, recebe o Paço de Arcos.

A Liga Europeia é abordada numa peça secundária. “Águia vai mudar pouco em 2016/17” remete para a saída de Marc Torra – que Pedro Nunes lamenta – por motivos pessoais, garantindo o técnico que os possíveis reforços estão identificados, podendo, no entanto, a solução passar por jogadores da formação. Nesta peça, Pedro Nunes agradece ao Benfica a organização da Final Four da Liga Europeia, sublinhando que agora caberá à equipa retribuir.

Certa será também a saída de Pedro Henriques para o Reus, onde alinhará ao lado de Marc Torra.

Legahockey

N’O Jogo, o destaque vai para o Campeonato italiano. “Resende vence no play-off” remete para a vitória esta quinta-feira do Matera, orientado por Nuno Resende, sobre o Follonica de Marinho por 4-5. O atacante luso-moçambicano marcou dois golos mas o treinador português garantiu uma preciosa vitória no arranque dos playoffs. O Matera recebe este sábado o Follonica e, caso vença, apura-se desde logo para as meias-finais. Caso o Follonica vença, empata a eliminatória, obrigando à “negra” na terça-feira.

Homenagem

A Bola noticia a homenagem de que José Leste vai ser alvo. “Leste homenageado hoje” dá conta da cerimónia que será levada a cabo a partir das 18h30 pela autarquia de Cascais, descerrando uma estátua de homenagem ao ex-jogador.

Nascido em 1959 no Estoril, José Leste iniciou-se no hóquei em patins na Juventude Salesiana, saindo ainda com idade júnior para Itália. Regressaria volvida apenas uma época a Portugal, para o Benfica, para voltar a ser tentado – em épocas alternadas - pelo apelo italiano. O internacional português representou Pordenone, Monza e Viareggio em terras transalpinas, enquanto em Portugal vestiu as cores da Juventude Salesiana, Benfica e Sporting.

Campeão do Mundo em 1982, José Leste faleceria em Abril de 2012, aos 50 anos, vítima de doença prolongada.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade