Notícia

Portugal repete vitória e está na final

Jul 16, 2016

Portugal repetiu a vitória da fase de grupos sobre a Suíça por 0-8 e apurou-se para a final do 52º Campeonato da Europa.

Tudo correu de feição a Portugal. Apenas com 10 segundos decorridos, João Rodrigues quase recebia uma prenda de Jean-Pierre Vizio em dia de aniversário. Não foi tão cedo, mas não tardou...

Assistências de Reinaldo para João Rodrigues resultaram em três golos

Portugal entrou muito forte frente a uma Suíça debilitada pela ausência do capitão Federico Garcia Mendez e aos três minutos, o capitão João Rodrigues recebeu uma prenda de Reinaldo Ventura, para encostar mesmo à boca da baliza para o primeiro. E seis minutos volvidos, houve muitas semelhanças no segundo golo português. O passe veio do outro lado, mas igualmente do stick de Ventura, para João Rodrigues desviar de primeira no coração da área.

A ganhar por 0-2, e com a rotação da equipa, Portugal perdeu acutilância. Defensivamente, Girão tinha poucos problemas, dado que a Suíça não chegava com a bola jogável ao último terço da pista, mas no ataque o terceiro golo tardava em surgir.

Suíça saiu poucas vezes para o ataque

A cinco minutos do intervalo, a Suíça pediu um desconto de tempo e Luís Sénica aproveitou para um monumental "puxão de orelhas" aos seus jogadores. Meio minuto depois, Gonçalo Alves fazia o 0-3 num remate forte, fixando o resultado ao intervalo.

Na segunda parte, as dificuldades da Suíça, sempre travada a meia pista por Portugal, agravaram-se, havendo mais espaço para Portugal procurar o golo. Reinaldo Ventura fez o 0-4 de grande penalidade e serviu - novamente - João Rodrigues para o 0-5. Depois foi a vez de Ricardo Barreiros. Marcou (o 0-6) e assistiu João Rodrigues a meia altura para o sétimo golo, de belo efeito.

Gonçalo Alves bisou

Portugal controlava como queria mas conforme a vantagem crescia, a concentração. De "pedrada", um remate fortíssimo como na primeira parte, Gonçalo Alves fez o 0-8 final, no único golo dos últimos 11 minutos pese as muitas oportunidades e jogadas de perigo junto da baliza de Jean-Pierre Vizio.

A Itália já reservara lugar na final depois de vencer a Espanha por 1-0 e a cabeça dos portugueses também já fora "andando", levando consigo o necessário esclarecimento.

A final entre Portugal e a Itália está agendada para este sábado, a partir das 21h.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade