Notícia

«Sonhar com mais qualquer coisa»

Sep 02, 2016

O Paço de Arcos parte para a nova temporada com uma renovada ambição. Sempre com o foco na manutenção, Paulo Garrido - no terceiro ano à frente do histórico clube da Linha - deseja que a equipa o consiga quanto antes, para que depois possa almejar a um lugar mais alto do que o nono conseguido em 2015/16.

À semelhança do que aconteceu na última temporada, o Paço de Arcos vai abdicar da participação na Taça CERS, concentrando-se nas provas internas. Para "atacar" Campeonato e Taça, Paulo Garrido conta com um plantel de 11 seniores em que Diogo Silva (ex-Oliveirense), Fábio Quintino (ex-HC Sintra) e Tiago Losna (ex-Sporting) são reforços, juntando-se à continuidade do guarda-redes Diogo Alves, que terá a concorrência do ex-júnior Nuno Teixeira na baliza, e dos jogadores Diego Dias, Miguel Dantas, Nelson Ribeiro, Ricardo Pereira, Rui Pereira e Tiago Gouveia.

De saída de Paço de Arcos estão João Beja e o guarda-redes Hugo Garcia, que - ao que tudo indica - deixarão o Hóquei em Patins.

Se Diogo Silva e Tiago Losna - que jogaram juntos na Oliveirense - dispensam apresentações ao público da I Divisão, Fábio Quintino tem os golos como cartão de visita: foi em 2015/16 quarto melhor marcador da II Divisão com 55 golos. Com o plantel sénior trabalharão ainda os juniores André Inácio e Francisco Narciso.

Na pré-temporada, antes da jornada inaugural do Nacional com a recepção ao Turquel, o Paço de Arcos tem agendados alguns compromissos, passando pelos torneios de Turquel e Tomar e por dois jogos na ilha do Pico, a convite do Candelária.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade