Notícia

«Continuam a pensar de forma muito pequena...»

Apr 04, 2017

No final da partida da segunda mão dos quartos-de-final da Liga Europeia frente ao Liceo, com o dever cumprido, Pedro Nunes surgiu na sala de imprensa sem esconder a "pressa" para ir dar azo à sua declarada paixão no Clássico de futebol que teria início poucos minutos depois. Mas, se o tema é Hóquei em Patins, o técnico encarnado não "despacha" respostas...

Com o apuramento garantido para a Final Four, Pedro Nunes foi abordado com a realização de um jogo do campeonato - que até deu o título ao Benfica - no fim-de-semana da mais importante decisão europeia e o técnico não se escusou a comentar, apontando ao planeamento da temporada.

Pedro Nunes afirmou que Benfica, Porto e Oliveirense "mereciam outro enquadramento competitivo" nesta fase da prova, aludindo à realização de uma eliminatória (oitavos-de-final) da Taça de Portugal neste mesmo fim-de-semana, colocando em causa o próprio Hóquei em Patins, bem como o prestígio do Hóquei português.

Para o treinador das águias, as sugestões de clubes, treinadores e jogadores são ignoradas, e defende em particular a classe dos atletas, principais actores do jogo, e cuja associação existente "ninguém conhece, nem sabe como funciona".

«Critérios mudam do dia para a noite»

Instado a comentar o critério, a permitir algumas "disputas" mais acesas, adoptado pela dupla de arbitragem constituída pelos italianos Ulderico Barbarisi e Massimiliano Carmazzi na partida frente ao Liceo, Pedro Nunes recordou que já na primeira mão uma outra dupla italiana - Matteo Galoppi e Filippo Fronte - tinha assinalado apenas nove faltas.

E transpôs para a realidade do Hóquei em Patins nacional.

Vincando que a equipa tem de se adaptar a qualquer critério, o treinador bicampeão nacional referiu que os critérios mudam "do dia para a noite" e, por vezes, até de "uma metade para a outra".

Em comparação, o técnico do Benfica sublinhou mesmo que, com erros pontuais, a arbitragem deste jogo com o Liceo não teve influência, ao contrário do que "acontece sistematicamente no campeonato português", apontando como exemplo o jogo do Benfica em Barcelos para o Campeonato Nacional, que terminou empatado a seis.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade