Notícia

O fiel da balança

Jun 17, 2017

Às 18h deste sábado apita-se no Dragão Caixa e em Alverca para o derradeiro acto do Campeonato Nacional da I Divisão, que decidirá o campeão nacional.

Benfica e Porto são os candidatos ao ceptro e têm compromissos bem distintos.

Os dragões recebem o Riba d'Ave, actual 11º classificado e à procura de um ponto que garanta desde logo a manutenção, sem esperar por resultados alheios. Pese a necessidade de vencer dos minhotos, é esperado que seja a necessidade dos azuis-e-brancos a falar mais alto: o Porto tem de vencer e esperar que o Benfica não vença em Alverca, bastando um empate aos pupilos de Cabestany se, à mesma hora, os encarnados terminarem derrotados.

Dérbi que fechou a primeira volta foi ganho pelo Benfica, pela margem mínima

Apesar da importância do jogo do Dragão Caixa, os focos estarão apontados a Alverca, onde se joga o Dérbi Capital mais importante dos campeonatos nacionais das últimas temporadas.

Para o Sporting, é um ponto de honra. Apontados à vitória em qualquer jogo - como Paulo Freitas frisou no final do jogo em Oliveira de Azeméis -, será sempre com um certo prazer que os leões "roubarão" o título ao eterno rival, evitando a festa naquela que deixará em breve de ser a sua casa. Já para o Benfica, e sendo mais provável a vitória do Porto no Dragão, é fundamental vencer para garantir os três pontos que valem só por si o tricampeonato.

Fortaleza

Nesta temporada de 2016/17, em 12 jogos em casa (11 realizados em Alverca e um no Livramento), o Sporting regista nove vitórias, dois empates e uma derrota.

Mas, de facto, em pista, o Sporting ainda não perdeu em casa. A derrota que entra nas contas foi na secretaria, depois de, em rinque, os leões - então orientados por Guillem Perez - terem vencido o Paço de Arcos por 6-4. Os empates foram frente ao Porto (3-3) e frente ao Óquei de Barcelos (6-6), tendo os leões já vencido em sua casa a também candidata Oliveirense (3-1).

Em Alverca, Sporting empatou com Porto e venceu Oliveirense

Campeonato dos candidatos

Esta é aquela fase do campeonato em que os quatro primeiros do último campeonato se defrontam, num mini-torneio muito próprio.

Neste particular, entre Benfica, Porto, Oliveirense e Sporting, os leões mostram que não foi aqui que claudicaram na luta pelo título. Somaram sete pontos (podendo ainda chegar aos 10), contra 11 do Porto, nove do Benfica e "apenas" quatro da Oliveirense. E, até ao momento, foram os únicos a lograr uma vitória fora, em Oliveira de Azeméis (6-7), algo que só também o Benfica poderá conseguir... se vencer o Sporting. Por outro lado, os encarnados - que venceram sempre na Luz - perderam nas deslocações já realizadas, a Oliveira de Azeméis (4-2) e ao Dragão (9-7).

Sporting e Benfica já se encontraram esta época em duas ocasiões. Primeiro nas meias finais da oficiosa Elite Cup, com os leões a passarem à final (conquistariam mesmo a prova) com uma vitória por 6-7, e depois no final da primeira volta do Nacional, com uma vitória encarnada por 5-4 num jogo marcado por uma excelente exibição leonina, reconhecida inclusivamente por Pedro Nunes, que foi traída primeiro por um erro de julgamento da arbitragem que valeu um azul a Ângelo Girão e depois por um erro do banco que, numa entrada precipitada de João Pinto após uma exclusão, acabou por ver o capitão e o treinador do Sporting expulsos.

Jogos entre os assumidos candidatos têm - em 11 partidas - uma média de 9.8 golos por jogo.

Pecados

O Sporting apostou muito para esta temporada e arrancou da melhor maneira, com cinco vitórias consecutivas. No entanto, a quinta dessas vitórias passou a derrota em secretaria, seguindo-se a derrota, em pista, em Barcelos, onde também nem Porto (perdeu), nem Benfica (empatou) passariam. Seguiram-se mais sete jogos até final da primeira volta, com cinco vitórias (uma delas com a Oliveirense), um empate em condições estóicas frente ao Porto e uma derrota frente ao Benfica, na Luz. Na regularidade dos adversários, o Sporting virava o campeonato em quarto muito por culpa de um erro de bastidores frente ao Paço de Arcos.

Primeira derrota registada foi em Barcelos (então de Paulo Freitas), onde nem Porto, nem Benfica passariam

A segunda volta arrancou com uma derrota em Valença, a grande mancha desportiva no percurso dos leões no campeonato. Seguir-se-iam quatro vitórias e o outro resultado a destoar, que afastava cedo - mas irremediavelmente do ponto de vista desportivo - o Sporting do topo da classificação. Na recepção ao Barcelos, já com Paulo Freitas no banco leonino, o jogo parecia ganho mas terminou com um empate a seis, com o técnico a tecer duras críticas aos seus jogadores.

Desde aí, seis jogos, apenas uma derrota "aceitável" (mas com queixas de uma bola que terá entrado e daria o empate) no Dragão Caixa, e cinco vitórias, incluindo uma que impediu a Oliveirense de se isolar no topo da classificação. No final desse jogo, Paulo Freitas frisou a responsabilidade da sua equipa jogar sempre para vencer, independentemente das contas de terceiros. Algo que se volta a aplicar nesta partida com o Benfica.

Futuro

O Sporting deverá terminar com o terceiro melhor ataque e a terceira melhor defesa, mas pontualmente já é certo que acabará em quarto. Ainda que aquém de expectativas mais optimistas, o quarto lugar valerá a segunda presença consecutiva na Liga Europeia e, ainda que não declaradamente, já se pensa na próxima época.

Em 2017/18, o Sporting volta a ter casa própria: o Pavilhão João Rocha é inaugurado a 26 de Junho.

Depois de meia revolução no último defeso - saíram Viana, Cacau, Figueira e Losna e entraram Miras, Font, Caio e Gil - o Sporting aponta a outra meia renovação.

Não sendo ainda oficial qualquer movimentação, é certa a chegada de Vítor Hugo (Porto), Toni Perez (Liceo) e Henrique Magalhães (que retorna de empréstimo ao Liceo). De saída estarão, segundo os orgãos de comunicação social, Estebán Abalos ("Tuco"), que regressará à sua Argentina natal, Poka, André Centeno e Sergi Miras.

Faltando ainda um jogador no "deve e haver" destas entradas e saídas, o Sporting ainda agitará o "mercado".

Jogos relacionados

FC Porto
11 : 4
17 Jun 18h00
Riba d'Ave HC
Sporting CP
5 : 5
17 Jun 18h00
SL Benfica

Provas relacionadas

Campeonato Nacional da I Divisão - Campeonato
Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade