Notícia

Primeiro as senhoras

Aug 26, 2017

A primeira edição dos World Roller Games arranca este domingo.

À selecção feminina, vice-campeã do Mundo, cabe não só ser a primeira das três selecções portuguesas a entrar em rinque, mas também alinhar no jogo inaugural do Campeonato do Mundo Feminino.

Portugal estreia-se às 10h30 locais, 3h30 em Portugal continental.

Portugal tem o seu primeiro jogo marcado para as 10h30 locais, 3h30 de Portugal continental, estreando-se frente ao Chile, que conta nas suas fileiras com Macarena Ramos, jogadora do Benfica.

Depois de ter garantido em 2016, pela quarta vez na sua história, o vice-campeonato, Portugal ambiciona um título inédito, muito complicado no contexto do hóquei patinado feminino.

Marlene Sousa foi eleita a melhor jogadora do Mundial 2016

Nas 13 edições do Campeonato do Mundo já realizadas houve cinco campeões distintos. Depois de uma vitória do Canadá (!) na edição inaugural, Espanha e Argentina garantiram entre si - divididos irmãmente - 10 dos troféus, com a regra a ter apenas excepção em 2006 (vitória do Chile em casa) e 2012 (triunfo da França no Recife).

Para definir os "quartos"

Depois de defrontar o Chile (27 de Agosto, 10h30 locais), Portugal terá pela frente a poderosa Argentina (28 de Agosto, 12h30 locais) e a Itália (29 de Agosto, 10h30 locais) numa fase de grupos que serve "apenas" para definir o alinhamento para os quartos-de-final.

O vencedor deste grupo B, terá teoricamente a tarefa mais facilidade no primeiro jogo a eliminar, defrontando o quarto do grupo A, onde estão Espanha (actual campeã do Mundo), Alemanha, Estados Unidos e França.

Sem descanso, e sempre no palco principal, o Longjiang Gymnasium, os quartos-de-final e as meias-finais jogam-se nos dias 30 e 31.

Preparação passou por jogos-treino com os seniores masculinos

No sábado, 1 de Setembro, realizam-se as partidas de atribuição dos 3º ao 8º lugares, ficando a final reservada para domingo, pelas 16h locais.

Antes da partida para a China, a Selecção Nacional estagiou no Luso com a sua homóloga masculina e os Sub-20. O seleccionador nacional Carlos Pires contou ao HóqueiPT as suas expectativas e a ambição de fazer melhor do que em Iquique, declarando o objectivo de vencer o Mundial.

Ás ordens de Carlos Pires estarão as guarda-redes Maria Celeste Vieira e Cláudia Vicente e as jogadoras de pista Beatriz Figueiredo, Catarina Costa, Inês Vicente, Margarida Florêncio, Sofia Silva, Marlene Sousa, Marta Vieira e Renata Balonas.

Taça FIRS a três

Das 13 equipas que estiveram no Mundial de Iquique em 2016, são notadas as ausências de Colômbia (6º nesse Mundial) e Brasil (9º), dando assim acesso ao Campeonato do Mundo aos Estados Unidos (10º). África do Sul e Egipto também não estão presentes, saudando-se a entrada de Japão e Inglaterra... para a Taça FIRS.

O Campeonato do Mundo será disputado por oito equipas, sendo as restantes inscritas "relegadas" para a Taça FIRS. Japão, Índia e Inglaterra estarão na disputa desse troféu - e de uma eventual "promoção" ao Campeonato do Mundo -, jogando entre si a três voltas.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade