Notícia

Triunfo na Golden Cup a pensar na Supertaça

Oct 14, 2017

De fora da Elite Cup depois das contas na secretaria, o Sporting de Tomar disputou a Golden Cup, torneio que se realizou na Parede em paralelo com a prova dos oito primeiros do último campeonato.

Entre Elite Cup e Golden Cup estiveram no passado fim-de-semana 13 das 14 equipas da I Divisão. Apenas o Turquel - que disputou (e venceu) o Torneio das Vindimas em Almeirim - não esteve presente em nenhum dos dois torneios.

Capitão Ivo Silva continua a ser um baluarte do Tomar

Na Parede, o Tomar venceu na fase de grupos duas equipas do escalão secundário - Sintra (7-2) e Oeiras (4-2) - defrontando depois nas meias finais o recém-promovido Grândola. O apuramento para a meia-final seria conseguido com um golo solitário de Hernâni Diniz.

Na final, o Braga, também recém-promovido mas habitué nas andanças da I Divisão, vencia por 2-1 ao intervalo, mas os nabantinos deram a volta com um golo de João Tiago Alves e dois do capitão Ivo Silva (que selou um hat-trick no jogo) para um tangencial 3-4 final, mas suficiente para levar o principal troféu para Tomar, a que se juntam as distinções de Diogo Alves, como melhor guarda-redes do torneio, e de Ivo Silva, que integra o Cinco Ideal tal como o seu guarda-redes.

Guarda-redes Diogo Alves mostrou que é reforço

Na recta final da preparação para a Supertaça, que se disputa este sábado, o Tomar recebeu o Benfica e perdeu 3-6, num confronto que será reeditado - mas na Luz - no arranque do Campeonato Nacional, dia 21 do mês corrente.

A Golden Cup

Na sua segunda edição, a Golden Cup reuniu na Parede 12 equipas, inicialmente divididas em grupos de três equipas.

Os vencedores de cada grupo - todos da I Divisão - disputaram as meias-finais. Dos primodivisionários, só o Infante Sagres, segundo no grupo do Paço de Arcos (perdeu 2-1 no embate com a equipa da Linha), não avançou, ficando - pelo seu segundo lugar - relagado para a luta pelo 5º lugar (5º ao 8º). Os terceiros de cada grupo decidiriam entre si os 9º ao 12º, para um total de 24 jogos em quatro dias.

Antes da final, em duas meias-finais equilibradas, o Tomar venceu o Grândola por 1-0 e o Braga ganharia o seu lugar na decisiva partida ao bater o Paço de Arcos por 4-3.

André Centeno, de regresso ao Paço de Arcos, foi eleito melhor jogador da Golden Cup

A classificação final da segunda edição da Golden Cup ficou assim ordenada: 1º Sporting de Tomar (I Divisão), 2º Braga (I), 3º Paço de Arcos (I), 4º Grândola (I), 5º Infante Sagres (I), 6º Oeiras (II), 7º Benfica "B" (II), 8º Parede (II), 9º Física (II), 10º Sintra (II), 11º Alenquer (II) e 12º Sporting "B" (II).

Para além de Diogo Alves e Ivo Silva, completam o Cinco Ideal da competição André Centeno e Gonçalo Nunes (ambos do Paço de Arcos) e Gonçalo Suissas (Braga). De referir que destes, apenas Ivo Silva não é reforço da equipa que agora representa para a nova temporada, mostrando escolhas acertadas. André Centeno seria eleito melhor jogador do torneio e Hugo Santos, jovem reforço das águias que alinhou pelo Benfica "B", foi o melhor marcador.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade