Notícia

O calcanhar do leão Freitas

Jan 17, 2018

Quando, esta noite, o Sporting subir ao palco do Dragão Caixa, Paulo Freitas procurará o que ainda não conseguiu à frente dos leões... O técnico que em Março protagonizou uma "mediática" transferência do Óquei de Barcelos soma 21 jogos em competições nacionais à frente do Sporting... e apenas perdeu no Dragão Caixa.

Paulo Freitas venceu o Porto por duas vezes ao serviço do Óquei de Barcelos, mas não no Dragão Caixa

A 18 de Março de 2017, Paulo Freitas estreava-se no banco leonino precisamente no Dragão Caixa. Para os 16-avos da Taça de Portugal, o Porto venceria por 8-3 e afastava os leões logo na primeira ronda com equipas primodivisionárias. Com um resto de temporada assumido como de transição, o Sporting disputou nove partidas para o campeonato, vencendo seis, empatando duas - na recepção ao Barcelos que fora de Freitas e ao Benfica na derradeira jornada - e perdendo apenas uma... no Dragão Caixa. Data desta partida à 22ª jornada, a 20 de Maio, a última derrota do Sporting para competições nacionais, num jogo que ficou marcado por um lance em que a bola terá entrado, mas o golo não foi validado. O Porto venceria por 4-3 e garantia três pontos na corrida ao título... que conquistaria.

Esta temporada, em 11 jornadas, o Sporting só perdeu pontos frente ao Benfica

Esta temporada, ainda sem ter iniciado a participação na Taça (estrear-se-à com a Juventude Pacense a 9 de Fevereiro), o Sporting tem um registo quase perfeito para o Campeonato. Venceu as 10 primeiras jornadas e apenas empatou na recepção ao Benfica, no dérbi da 11ª jornada. Tal garante aos leões a liderança no Melhor Campeonato do Mundo, com dois pontos de vantagem sobre o rival da Segunda Circular e quatro sobre um Porto que diz muito a Paulo Freitas...

Porto e Sporting já se defrontaram esta época, na Elite Cup. Depois de um empate a dois, os leões venceram nas grandes penalidades.

Paulo Freitas terminou a sua formação enquanto jogador (guarda-redes como agora os filhos Pedro, da equipa principal do Espinho, e Tiago, dos Sub-17 do Sporting) no Futebol Clube do Porto e em 1990 sagrou-se campeão europeu pelos dragões, na segunda vez em que os azuis-e-brancos conquistaram a Europa. Mas a baliza tinha um dono claro. Franklim Pais, treinador do "Deca" e agora Team Manager dos dragões, foi um dos expoentes enquanto guarda-redes e "tapou" alguns fieis escudeiros... como Freitas, não permitindo que este vingasse numa equipa que contava por exemplo com Vítor Hugo, Vítor Bruno, Carlos Realista ou Tó Neves, actualmente treinador da Oliveirense e "rival de banco" de Paulo Freitas.

Porto já perdeu o que "podia" perder

À espera do Sporting e de Paulo Freitas está um Porto que, ainda a duas jornadas do fim da primeira volta, já somou tantas derrotas como na pretérita temporada, em que conquistou o título nacional. Mas são exactamente as mesmas derrotas de 2016/17... O Porto perdeu em Barcelos e registou novo desaire na Luz.

Os outros pontos perdidos rumo ao título da época passada seriam empates nas deslocações aos redutos do Sporting (então em Alverca), onde se desloca lá mais para o fim do campeonato, e da Oliveirense, onde esta época já venceu.

Porto de Cabestany já perdeu os mesmos jogos que em 2016/17 e não pode arriscar novo desaire na corrida ao título

Na prática, e apesar da tabela classificativa poder transparecer o contrário, os dragões estão a fazer melhor temporada que na última edição, tendo no entanto de confirmar esta permissa no que ainda falta jogar.

Esta noite, a partir das 21h, com transmissão televisiva, estarão frente-a-frente o melhor ataque e a melhor defesa do Campeonato Nacional. Apesar, de na diferença de golos, a "distância" ser curta, com o Porto a ter 40 e o Sporting 38, os azuis-e-brancos têm de longe melhor ataque (72 golos marcados vs 51 do Sporting) enquanto os leões são reis na arte de evitar que a bola entre (com apenas 13 golos sofridos vs 32 do Porto).

Clássico tem transmissão televisiva em directo na TVI24 e no Porto Canal.

Antes deste Clássico, houve compromissos para as competições europeias. O Porto garantiu o apuramento - e com o primeiro lugar - para os quartos-de-final, vencendo o Follonica por 7-4. O Sporting registou no seu jogo iguais números, mas tal, no reduto do Lodi, saldar-se-ia por uma derrota. A primeira da temporada e que, para já, não compromete o objectivo dos leões em chegarem aos quartos-de-final.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade