Diário

Hóquei Diário / 25 de Março de 2018

Mar 25, 2018

Liceo e Sporting dão passos maiores

O Liceo foi o grande vencedor entre os jogos da primeira mão da Liga Europeia, vencendo por três golos na recepção ao Reus. A vitória por 4-1, com dois golos de Sergi Miras, abre boas perspectiva a "los verdes" de regressarem a uma fase decisiva seis anos depois, mas do outro lado estará "apenas" o detentor do troféu, Reus, o ataque mais profícuo da OK Liga.

O "sorriso" conseguido pelo resultado do Liceo só terá paralelo na vitória do Sporting em Oliveira de Azeméis. A perderem por 2-0, os leões viraram o jogo e venceram por 2-3, partindo para o segundo jogo - perante os seus adeptos - com o conforto de uma vantagem, mesmo que tangencial.

Também tangencial é a vantagem do Benfica. No entanto, a vitória dos encarnados por 3-2 frente ao Porto foi conseguida na Luz, tendo o resultado de ser defendido em casa do rival.

Na outra partida destes "quartos", o Barcelona, apesar do favoritismo que tem de lhe ser apontado, não foi além de um empate a três em Follonica. A equipa italiana - e Enrico Mariotti - voltou a mostrar que, entre a teoria e a prática, ainda tem uma palavra a dizer nesta eliminatória. No entanto, a decisão será no Palau Blaugrana...

Os jogos da segunda mão, decisivos na passagem à Final Four, realizam-se a 7 de Abril.

Juventude de Viana e Turquel sobem na classificação

No jogo do "gato e do rato" que é a luta por um lugar mais alto na tabela classificativa da I Divisão, Juventude de Viana e Turquel emergiram como vencedores este sábado.

Com apenas três jogos realizados, a 19ª jornada viu a Juventude de Viana vencer em Grândola por 2-6 - com hat-trick de Emanuel Garcia - e alcançar no sexto lugar da classificação o Óquei de Barcelos, que não foi além de um empate a três em Paço de Arcos. Vítima desse mesmo empate, a equipa da Linha foi apanhada pelo Turquel, que venceu na pista do Infante Sagres por 3-5 - com poker de Vasco Luís -, e assim subiu ao nono lugar, em igualdade pontual com o Paço de Arcos.

O quarto jogo desta ronda realiza-se na próxima quarta-feira, dia 28, com o Sporting a receber o Valença, disputando-se no dia seguinte o embate entre Oliveirense e Tomar. A jornada só ficará completa no dia 28 de Abril quando Porto e Benfica receberem, respectivamente, Valongo e Braga.

Ganhar vantagem em casa

Na Suíça, arrancaram os play-offs que vão decidir o título nacional.

Nas primeiras partidas dos quartos-de-final, vingou o factor casa. O campeão Montreux bateu o Thunerstern por 3-2, o Uri venceu o Uttigen por 4-2, o Genève derrotou o Biasca, que vencera a fase "regular", por 4-1, e o Diessbach levou a melhor sobre o Dornbirn por 3-2.

As segundas partidas estão agendadas para 7 de Abril e, na eventualidade de necessidade de um terceiro jogo nesta eliminatória "à melhor de três", esse será realizado dia 14.

Porto e Lisboa na final

O Inter-Regiões é decidido este domingo a partir das 17h entre os mesmos protagonistas de 2017. Porto e Lisboa venceram nas meias-finais, respectivamente, Coimbra (4-2, após desempate por grandes penalidades) e Leiria (3-2) e garantiram o lugar na decisiva partida deste torneio inter-associativo de Sub-15. Recorde-se que na última edição, Lisboa venceu com um tento solitário, defendendo agora esse título conquistado na Mealhada.

Individualmente, Miguel Henriques continua a facturar. O capitão da selecção portuense marcou em todos os seis jogos que realizou e soma 14 golos, não sendo contabilizado o tento apontado na decisão por castigos máximos frente a Coimbra.

Golos e discussão do título à parte, o destaque maior vai para as selecções de Madeira e Açores pelo cartão branco que ambas, em reconhecimento de fair play, viram este sábado.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade