Notícia

Segundo teste passado com 11 golos

Mar 28, 2018

Portugal voltou a vencer na preparação para a Taça Latina, derrotando a Juventude Azeitonense por 11-1.

Em Azeitão, perante uma bancada muito bem composta, praticamente cheia, a Selecção Nacional de Sub-23 que a partir de sexta-feira disputa a Taça Latina voltou a dar mostra de valor.

Gonçalo Pinto inaugurou marcador

Com Gonçalo Nunes, Miguel Vieira, Gonçalo Pinto, Alvarinho e o guarda-redes Alejandro Edo ("Xano") de início, Portugal chegou rapidamente a dois golos de vantagem, por Gonçalo Pinto e Gonçalo Nunes, não tardando a entrar o quarteto de pista - Carlos Loureiro, Pedro Batista, Gonçalo Meira e Luís Melo - que começara no banco. Melo faria, de grande penalidade, executada num remate rasteiro, o terceiro.

Xano, o mais novo da equipa, jogou a primeira parte e só foi batido de grande penalidade

A Juventude Azeitonense, empurrada pelo entusiasta público presente, entregava-se ao jogo e - a espaços - conseguia importunar o último reduto português. De grande penalidade, Luís Matos (que, lesionado, não pode contribuir muito mais para o jogo), bateu Xano, e reduziu.

O golo sofrido não abalou a Selecção Nacional que, antes do intervalo, lograria mais dois golos. Luís Melo bisou e assistiu Gonçalo Pinto para o 5-1 com que se chegaria ao intervalo. Entre os golos, Melo - muito em jogo - desperdiçaria uma grande penalidade.

Mais comedido na meia-distância que no Paço de Arcos, Gonçalo Nunes é baluarte na rectaguarda

A segunda parte teve Pedro Freitas na baliza e um início com um Portugal... brincalhão. No momento que o seleccionador nacional Luís Sénica reconheceria de necessária diversão, o conjunto das quinas ornamentou as jogadas, mas perdeu - apesar de Alvarinho ter chegado ao 6-1 - eficácia. Novamente Alvarinho, agora numa inusitada meia distância, pôs ponto final ao momento mais "lúdico" com o 7-1.

Pedro Freitas passou as duas partidas de preparação sem ter de ir ao fundo das suas redes

A equipa recuperou o foco e, num lance estudado na conversão de um livre indirecto, Vieira serviu Melo para o terceiro da conta pessoal do atacante, que chegaria ao poker com o 9-1. Alvarinho, campeão nacional de Sub-20 e de Seniores ao lado de Luís Melo no Valongo, não quis ficar atrás e fecharia a contagem da partida com mais dois golos, chegando também ao poker.

Esta quarta-feira, Portugal termina o estágio em Azeitão, viajando esta quinta-feira para França. Sexta-feira, a partir das 21h locais, Portugal defronta os anfitriões desta Taça Latina na estreia na prova.

O grupo português mostrou boa disposição e cumplicidade
Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade