Notícia

Os melhores dos melhores da Eurockey Cup

Oct 09, 2018

Foto de capa: Gordon Morrison @ Eurockey Cup

A Eurockey Cup de Sub-17 terminou com a melhor participação portuguesa de sempre. Pela primeira vez na história destes que são indubitavelmente os melhores torneios de formação da modalidade, a final – entre Benfica e Sporting – foi lusa, tendo ainda o Valongo terminado nos quatro primeiros.

E a prestação das equipas reflectiu-se nos prémios individuais.

Lucas Santos (Benfica), Gonçalo Gomes (Sporting) e Diogo Barata (Valongo) foram escolhidos para o Cinco Ideal da competição, logrando um feito alcançado em 2016, mas na categoria de Sub-15, quando também foram três – Rafa Pacheco e Diogo Marques do Porto e Bernardo Ramalho do Benfica – os portugueses destacados.

O “Cinco” é completo com Oriol Llenas, do Barcelona, e com o guarda-redes Pol Susach, do Caldes, sendo de realçar que, à excepção do guardião, todos os integrantes deste Cinco Ideal estiveram no Campeonato da Europa de Sub-17, que se realizou no início de Setembro em Correggio.

Lucas, o melhor da final

Entre os melhores, destacou-se Lucas Santos. O jovem jogador internacional português que chegou ao Benfica em 2017, não só conquistou colectivamente a Eurockey Cup, como – para além da distinção para o Cinco Ideal – se sagrou melhor marcador, com 16 golos, e foi escolhido como jogador “mais valioso” (MVP) da final que os encarnados venceram por 1-6 frente ao Sporting. Nessa partida, Lucas apontou os segundo e terceiro golos das águias.

Nas distinções de MVP das finais, Lucas Santos repete os feitos de Bernardo Trindade (Sporting, 2017, Sub-15) e dos guarda-redes Rafa Pacheco (Porto, 2016, Sub-15) e Gabriel Costa (Braga, 2014, Sub-17).

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade