Notícia

Tigres ficaram perto da surpresa

Oct 12, 2014

O Porto venceu em Almeirim em jogo a contar para a segunda jornada do Nacional. Se a vitória azul-e-branca sobre Os Tigres poderá não surpreender, a diferença mínima registada no final dos 50 minutos poderá causar estranheza.

Os comandados de Tó Neves adiantaram-se no marcador aos sete minutos e a meio da primeira parte venciam por três golos sem resposta. Mas a equipa orientada por Pedro Nifo reagiu. Filipe Bernardino marcou o primeiro para os anfitriões e Johe transformou o primeiro de três livres directos em golo. O atacante internacional angolano não perdoou da marca de livre directo e bateu Nelson Filipe por duas vezes (ainda na primeira parte) e Tiago Sousa uma vez.

A partida chegaria ao intervalo com a vantagem portista de 3-4 no marcador e, como sempre que a diferença foi mínima, o Porto acelerou - muito por influência de um determinado Caio - e ampliou. Para o 3-5 por Pedro Moreira e para 4-6 por Caio, este de grande penalidade depois de Filipe Bernardino ter novamente reduzido, também de grande penalidade.

Johe voltou a reduzir de livre directo, com pouco mais de um minuto para jogar. Os Tigres procuraram o empate mas o Porto controlou até final, assegurando mais três pontos.

Jogos relacionados

HC "Os Tigres"
5 : 6
11 Out 18h00
FC Porto
Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade