Notícia

Paço de Arcos vence líder e agita Campeonato

Jan 13, 2019

Cumpriu-se este sábado a 12ª jornada do Campeonato Nacional da I Divisão, com o destaque a ir para a derrota do líder Sporting, perante o seu público, frente ao Paço de Arcos.

A equipa da Linha, que estava na zona de despromoção venceu por 5-7 naquela que foi a primeira derrota dos leões no João Rocha para o Campeonato, desde que ali se estrearam em Setembro de 2017.

O campeão nacional até se adiantou ainda não estavam cumpridos dois minutos e meio – por Caio – mas depois “adormeceu” e foi vítima da eficácia de bola parada de Tomás Moreira e da eficiência defensiva da teia montada por Luís Duarte.

Tomás Moreira assinou um poker com um golo de grande penalidade e três de livre directo.

Ao intervalo, o Paço de Arcos chocava o João Rocha com uma vantagem de 1-4, com Tomás a bisar e golos de Rafael Lourenço e Paulo Jesus pelo meio. Após o reatamento, Ferran Font reduziu, mas novamente Tomás Moreira e o Sub-20 Bruno Frade – este numa “picadinha” de belo efeito – aumentaram para 2-6 com 15 minutos para jogar.

Font voltou a reduzir, mas Tomás Moreira voltou a colocar a diferença em quatro golos, com o seu terceiro livre directo transformado em quatro oportunidades, e a equipa do Paço de Arcos cerrou (ainda mais) fileiras à frente do inspirado Diogo Rodrigues. Esgotados fisicamente, os jogadores da Linha permitiram que Marin e Caio reduzissem, mas seguraram três preciosos pontos na luta pela manutenção.

Oliveirense apanha Sporting

A primeira derrota do Sporting no Campeonato permitiu que os outros candidatos se colassem ao topo.

Desde logo, a Oliveirense assume mesmo a liderança, no desempate pelo rácio entre golos marcados e sofridos. A equipa de Oliveira de Azeméis venceu um Turquel que esta semana viu João Simões render Nelson Lourenço por tranquilos 9-1 e, com os mesmos 29 pontos dos leões, beneficia de passar a ter uma defesa menos batida que o agora co-líder Sporting.

A um ponto da dupla da liderança está o Porto. Os dragões venceram sem dificuldades o Valongo por 8-0, com Gonçalo Alves a assinar um hat-trick em que os dois primeiros golos, nos primeiros cinco minutos de jogo, marcaram muito cedo o rumo dos acontecimentos.

Mais complicada foi a tarefa do Benfica, na recepção à Juventude de Viana. Na estreia de Alejandro Dominguez no comando técnico, as águias nunca estiveram em desvantagem, mas tiveram os vianenses sempre “à perna” e, nas contas finais, a terem de se queixar das bolas paradas. A equipa de André Azevedo dispôs de três livres directos e três grandes penalidades, mas apenas por uma vez logrou ganhar o duelo a Pedro Henriques.

Com estes três pontos, o Benfica mantém o quarto lugar, mas fica a apenas dois pontos da liderança.

Oeiras também sobe à “tona”

A vitória do Paço de Arcos, conjugada com outros resultados, permitiu-lhe subir da incómoda 12ª posição – em zona de descida – ao nono lugar. E a outra equipa da Linha de Cascais também tem razões para sorrir.

Numa luta directa pela manutenção, o Oeiras venceu em Tomar por 0-2, com golos de Mathias Arnáez e Gonçalo Conceição e apanhou os nabantinos na classificação com 10 pontos, um acima da linha de água.

Abaixo da linha de água estão agora Turquel e Valongo, ambos com nove pontos, e o Marinhense com sete.

A equipa da Marinha Grande recebeu o Óquei de Barcelos e perdeu por 3-5, com Gonçalo Nunes em particular destaque ao apontar três dos golos da equipa de Paulo Pereira. Ao intervalo, o Barcelos vencia por cinco golos sem resposta e os três pontos conquistados permitem aos “galos” reforçarem o estatuto de equipa “mais só” da classificação… está no quinto lugar a cinco pontos do quarto, Benfica, e seis à frente do sexto, Riba d’Ave, que empatou em Braga.

O duelo minhoto entre sexto e sétimo da classificação terminou com um empate a três e permitiu ao Riba d’Ave continuar na frente, com 16 pontos, apesar de somar o seu quinto jogo consecutivo para o Campeonato sem conhecer o sabor da vitória. O Braga – que ainda esteve a perder por 1-3 - passa a somar 15, mais um do que os também minhotos da Juventude de Viana.

12ª jornada

• Benfica 5-3 Juventude de Viana

• Oliveirense 9-1 Turquel

• Porto 8-0 Valongo

• Braga 3-3 Riba d’Ave

• Tomar 0-2 Oeiras

• Sporting 5-7 Paço de Arcos

• Marinhense 3-5 Óquei de Barcelos

Classificação

1ºs Oliveirense, Sporting (29 pontos), 3º Porto (28), 4º Benfica (27), 5º Óquei de Barcelos (22), 6º Riba d’Ave (16), 7º Braga (15), 8º Juventude de Viana (14), 9º Paço de Arcos (11), 10ºs Oeiras, Tomar (10), 12ºs Valongo, Turquel (9), 14º Marinhense (7)

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade