Notícia

Bassano garante permanência e Lodi vence fase regular

Mar 20, 2019

Foto de capa: Michele Brunello

Com vitórias nos seus encontros, e contando com deslizes alheios, o Lodi garantiu o primeiro lugar na fase regular da Série A1, enquanto o Bassano assegurou a permanência.

Nesta terça-feira, Dia do Pai também em Itália, realizaram-se cinco jogos relativos à jornada 22… mas já só faltam disputar duas partidas na jornada 24 e duas rondas para terminar a fase regular.

O Lodi de Nuno Resende venceu o Trissino por 4-1 e tem certo o primeiro lugar que vale a vantagem de jogar em casa partidas decisivas no playoff de apuramento de campeão. Andrea Malagoli assinou um bis, tendo marcado também o português Luís Querido e o badalado Alessandro Verona, apontado nesta mesma terça-feira, pelo Il Cittadino em Itália e pel’A Bola em Portugal, ao Sporting.

O primeiro lugar ficou assegurado em virtude da derrota do segundo classificado, Forte, frente a um Bassano que assim segurou o lugar na principal categoria transalpina.

Depois do Amatori Vercelli – de Sérgio Silva, Francisco Veludo e João Silva – assegurar a manutenção na Série A1 com uma vitória frente ao então terceiro classificado (Valdagno), o Bassano logrou ainda melhor, alcançando a “salvação” com um triunfo frente ao segundo, Forte, por 4-3. Um golo de Diogo Neves [na foto] levou o conjunto orientado por Luís Nunes em igualdade a dois para o balneário, e o catalão Victor Crespo fez o 4-3 do contentamento “gialorossi” (quer do Bassano, quer do Lodi) a três minutos do fim.

Antes, no passado sábado, Bassano e Vercelli tinham empatado a quatro, com um golo português de cada lado, marcando Diogo Neves e João Silva.

Face à manutenção das duas equipas desta “guerra” que contam com portugueses nos seus quadros, o Thiene e o Sandrigo têm o destino da A2 traçado. As duas equipas que serão despromovidas defrontaram-se também no sábado, com o Sandrigo a vencer em Thiene por 1-2. No entanto, a utilização irregular de Francesco Gasparotto, expulso na partida anterior, custaria uma derrota por 10-0 na secretaria àqueles que tinham vencido em pista...

Regressando aos jogos desta terça-feira, destaque também para a vitória do Viareggio, que vingou o afastamento da Final Four da Taça WSE. Na reedição da segunda mão dos quartos-de-final, então ganha pelo Valdagno – de André Centeno – por 4-3, a equipa de Reinaldo Ventura venceu desta feita por 1-4, com bis de “Rei”. A vitória permite sonhar com o segundo lugar, mas tal não se afigura fácil. Desde logo, o Forte teria de somar por derrotas a recepção ao Trissino e a deslocação a Thiene…

Viareggio, Valdagno, Sarzana e Follonica têm um jogo a menos, que só cumprirão no dia 26 [esta fase termina a 30], mas, com apenas seis pontos em disputa para a maioria das equipas, há já algumas certezas. Para lá das duas descidas, são também já conhecidas seis das oito equipas que disputarão o play-off: Lodi, Forte, Viareggio, Breganze, Valdagno e Sarzana. Os restantes dois lugares que permitem continuar em competição serão para Follonica, Trissino ou Monza.

24ª jornada

Classificação

1º Lodi (60), 2º Forte (53), 3º Viareggio* (46), 4º Breganze (46), 5º Valdagno* (43), 6º Sarzana* (38), 7º Follonica* (37), 8º Trissino (34), 9º Monza (31), 10º Scandiano (28), 11º Amatori Vercelli (20), 12º Bassano (17), 13º Thiene (9), 14º Sandrigo (9)

(* com menos um jogo realizado)

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade