Notícia

Ferrão fica ‘só’ com os Sub-17 e Vasco Vaz regressa aos ‘juniores’

Apr 22, 2019

No derradeiro dia de Montreux, a Federação de Patinagem de Portugal olha já para os próximos desafios e anunciou as equipas técnicas das selecções nacionais de Sub-19 e Sub-17.

Para os Sub-19, categoria que substituirá a “extinta” Sub-20, foi chamado Vasco Vaz, seleccionador nacional de Sub-20 entre 2003 e 2006 e seleccionador nacional de Sub-17 entre 2004 e 2005. À frente dos Sub-20, Vasco Vaz liderou a selecção portuguesa à conquista do primeiro Campeonato do Mundo do escalão, em 2003 (Montevideu, Uruguai), num ano em que conquistaria também o Campeonato da Europa. A nível Europeu repetiria a conquista em 2005.

Nos Sub-20, Portugal só voltaria a conquistar o ceptro mundial em 2013, na Colômbia, já às ordens de Luis Duarte, voltando a triunfar em 2015 (Vilanova i la Geltrù) e 2017 (Nanjing), este último já como parte dos World Roller Games. Os “Jogos da Patinagem” são de resto o próximo grande desafio de Vasco Vaz, tendo de preparar o seleccionado nacional de Sub-19 para o Mundial que terá lugar em Barcelona no início de Julho.

Como adjunto, Vasco Vaz terá João Valente, da equipa técnica do Sporting.

Nuno Ferrão continua nos Sub-17

As mudanças nas equipas técnicas das diferentes selecções nacionais foram sendo anunciadas. Nos seniores masculinos, Renato Garrido ocupou o lugar que vagou com a eleição de Luís Sénica para presidente, nos seniores femininos Hélder Antunes foi nomeado para o lugar de Carlos Pires e, agora, nos Sub-20/19, Vasco Vaz foi anunciado para o lugar de Nuno Ferrão… que continuará como seleccionador nos Sub-17.

O agora Director-Técnico Nacional acumulava funções nos Sub-17 e Sub-20 desde a saída de Luís Duarte em 2017, tendo participado apenas num Europeu ao leme dos Sub-20, em Viana do Castelo, que terminaria com um terceiro lugar luso.

Nos Sub-17, Nuno Ferrão está à frente da selecção desde 2015, com o compromisso anual do Campeonato da Europa. Sagrou-se campeão em 2015 (Luso, Portugal) e 2017 (Fanano, Itália) e vice-campeão em 2016 (Mieres, Espanha) e 2018 (Correggio, Itália).

Como seleccionador, Nuno Ferrão continuará a ser secundado por Filipe Faria, treinador nos escalões de formação da Oliveirense.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade