Notícia

Tricampeã mundial, Piquero enfrenta desafio em Portugal

Aug 18, 2019

Uma das grandes figuras do Hóquei em Patins mundial no feminino, Marta Piquero terá – a par de Adriana Gutièrrez, reforço do Sporting – a “responsabilidade” de elevar o nível do campeonato português.

Ainda antes de completar 21 anos – no passado dia 29 de Julho – a jogadora que irá reforçar o Benfica sagrou-se tricampeã mundial, triunfando em Barcelona depois de já ter triunfado em Iquique (Chile, 2016), chamada pelo então seleccionador feminino Alejandro Dominguez, e Nanjing (China, 2017). Mas o currículo de Marta Piquero não se esgota nos mundiais – e no Europeu de 2018 – ganhos por La Roja.

Pelo Gijón, onde estava desde os 15 anos, a asturiana conquistou as OK Liga de 2016/17 e 2017/18 e as Taças da Rainha de 2016 e 2019, conquistando ainda uma Liga Europeia, em 2018, na Luz, que agora será a sua casa. Nessa final europeia, apresentou-se aos adeptos do Benfica com uma exibição tremenda, coroada com dois golos.

De certa forma, Piquero ocupará o “lugar” de Aina Arxé, primeira aposta das águias nas jogadoras do país vizinho. A jogadora catalã chegou do Voltregà – onde regressa agora – mas acabou por não ter o impacto que alguns poderiam esperar, apesar de não ser, como já é Piquero, uma das figuras de proa da OK Liga.

Piquero remata para o 3-5, primeira vantagem de dois golos na final, que depois a Espanha saberia gerir

Após a conquista do Mundial em Barcelona, em declarações ao HóqueiPT, Marta Piquero congratulou-se com o terceiro título consecutivo, numa final complicada (e emotiva) com a Argentina, em que a jogadora que reforçará o Benfica bisou.

A caminho de Portugal, a asturiana confessou-se apostada em desfrutar do Hóquei em Patins, conhecendo já muitas jogadoras das competições internacionais, mas vê complicado que o campeonato português possa ombrear a curto-prazo com a competitiva OK Liga. Talvez possa crescer com a aposta dos “clubes grandes”…

Para manter a sua hegemonia, “ameaçada” pelo projecto leonino que levou as gémeas Rita e Rute Lopes, o Benfica aposta não só em Piquero, como no regresso da chilena Macarena Ramos.

Paulo Almeida terá assim à sua disposição as guarda-redes Margarida Brandão (ex-CACO) e Maria Celeste Vieira e as jogadoras de pista Ana Arsénio, Andreia Leal, Inês Vieira, Macarena Ramos (ex-Cerdanyola), Maria Sofia Silva, Marlene Sousa, Marta Piquero (ex-Gijón) e Sofia Contreiras (ex-Stuart).

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade