Notícia

Leoas perdem em Gijón, mas deixam boa imagem

Sep 08, 2019

Foto de capa: Luís Velasco

O Sporting estreou publicamente a sua equipa feminina nas Astúrias, defrontando o poderoso Gijón, com um currículo em que constam cinco conquistas da Liga Europeia no feminino e actual detentor da Taça da Rainha de Espanha.

No dealbar deste novo projecto leonino, Andreia Barata lançou de início a guarda-redes Inês Caldeira e as jogadoras de pista Ana Catarina Ferreira, Adriana Gutiérrez, Rute Lopes e Rita Lopes, mas seria do banco que sairiam os dois primeiros golos das leoas.

Surpreendendo o Gijón, as internacionais portuguesas Tânia Freire – que capitaneou a equipa – e Sofia Moncóvio deram uma vantagem de dois golos ao Sporting, mas que, no entanto, acabaria por não persistir.

A mais rotinada equipa do Gijón, apesar das perdas de Marta Piquero (Benfica) e Julieta Fernandez (de regresso à Argentina), virou o resultado ainda antes do intervalo, com golos de Sara Roces, Nuria Obeso e Natasha Lee.

Após o reatamento, o Sporting ainda restabeleceu a igualdade, por Ana Catarina Ferreira, mas o leque de soluções asturiano – para além de Tânia e Sofia, as leoas só começaram com mais a guarda-redes Cláudia Vicente no banco - acabaria por vingar. Natasha Lee, Sara Roces e a campeã do Mundo Maria Sanjurjo fixaram o 6-3 final, garantindo a conquista da primeira edição do torneio La Manzana.

No próximo dia 14, o Gijón devolve a cortesia leonina, e participará, no João Rocha, na apresentação oficial das leoas perante o seu público. O jogo está agendado para as 18h.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade