Notícia

Eurockey testa alterações nas faltas e tempos de ataque

Sep 26, 2019

A Eurockey Cup – quer em Sub-15, quer em Sub-17 – tem-se pautado desde 2012 por uma organização rigorosa e inovadora no panorama do Hóquei em Patins. E tal traduz-se também no jogo em si.

Depois de ter sido pioneira na implementação do uso do marcador de 45 segundos ou do desempate por livres directos, a organização avança com três novas regras a título experimental para as provas deste ano, a aplicar desde já na prova de Sub-17, que decorre de 3 a 6 de Outubro em Blanes, e que contará com a presença das equipas portuguesas do Benfica, Sporting, Porto e Famalicense.

“Menos tempo”

Há uma corrente que defende que os tempos de ataque de 45 segundos são demasiado longos e que favorecem a especulação. Sem fazer um corte radical, a Eurockey promoverá a redução do tempo de ataque nas “segundas bolas”. O primeiro ataque continua a ter 45 segundos para o remate à baliza, mas, após defesa do guarda-redes, em vez do marcador regressar aos 45, a equipa atacante terá apenas 24 segundos para “alvejar” a baliza adversária.

Caso a diferença no marcador seja muito dilatada, a organização reserva-se o direito de não contar o tempo de ataque.

“Menos faltas”

Para combater o elevado número de faltas, a Eurockey estabelece as 15 como um limite “aceitável”. Haverá livre directo à 10ª falta e à 15ª, como regulamentado, mas, na Eurockey Cup, a partir da 15ª, todas as faltas levarão para a marca de livre directo.

É uma medida um pouco semelhante ao que acontece no futsal, em que cada falta a partir da quinta de cada parte leva o adversário para a marca de livre directo.

“Fair-play”

Para desencorajar as goleadas exageradas, é estabelecido que a diferença máxima no marcador será de 10 golos. A medida já foi usada de forma velada (e aceite pelas equipas) em 2018 e é agora oficializada. Assim, ainda que os golos contem a nível individual, para a posterioridade ficará a diferença de 10 golos.

Tudo para verificar nas primeiras partidas da Eurockey Cup, com a stickada de saída a ser dada, em simultâneo, pelo Sporting frente ao Herne Bay e pelo Famalicense com o Cronenberg, a partir das 16h locais do dia 3 de Outubro.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade