Notícia

«É prestigiante para o clube e inesquecível para estes atletas»

Oct 10, 2019

Depois de uma temporada extraordinária em que esteve entre as quatro equipas que disputaram o título de campeão nacional de Sub-17, o Famalicense estreou-se na Eurockey Cup.

A equipa liderada por André Torres terminaria em 11º entre 16 equipas. Na fase de grupos, depois de uma vitória por 1-11 sobre o Cronenberg, uma derrota tangencial com o Scandiano – por 5-4 – seria fatal para as aspirações da equipa minhota. Na derradeira jornada, ainda esteve a vencer o campeão espanhol Manlleu, mas os catalães deram a volta e “empurraram” mesmo o Famalicense para o terceiro lugar do grupo.

Com três jogos – de apenas uma parte de 20 minutos – no sábado para definir a classificação final, os famalicenses venceram os ingleses do Herne Bay por 5-0, mas perderiam depois com o Breganze, campeão italiano, no desempate por livres directos. Os minhotos transformaram um livre directo em golo, ao passo que os transalpinos marcaram dois, depois do empate a três no tempo regulamentar.

Relegados para a disputa do 11º lugar, e apesar do cansaço acumulado, os pupilos de André Torres não claudicaram frente aos ingleses do ECU, vencendo por 0-1.

No rescaldo da participação, o treinador famalicense aponta “uma experiência positiva” e traça mesmo como uma das metas o regresso na próxima temporada.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade