Notícia

Sintra fora de uns 'quartos' em que há duelo português

Nov 02, 2019

O fecho da fase de grupos ditou a saída prematura do estreante Sintra, com Porto, Valongo e Paço de Arcos a lograrem um lugar nos quartos-de-final. Na primeira ronda a eliminar, há duelo português, com o Valongo a defrontar o Paço de Arcos.

A missão mais complicada entre as equipas portuguesas era a do Sintra, e os receios viriam a confirmar-se. Apesar da equipa portuguesa se ter adiantado, por Guilherme Martins, ainda não estava cumprido minuto e meio de jogo, os italianos do Trissino fizeram vingar o favoritismo que lhes era apontado.

Ainda na primeira parte a equipa transalpina virou o resultado e, na segunda, “matou” a questão nos primeiros seis minutos, fixando desde logo o resultado, que seria final, em 1-5.

Em terceiro no grupo D, o Sintra jogará este sábado – em três partidas – para o nono lugar, iniciando essa caminhada frente aos alemães do Cronenberg.

O Trissino tem nos quartos-de-final novo desafio com equipas portuguesas, defrontando o campeão nacional do escalão, Porto.

Porto, Valongo e Paço de Arcos nos “quartos”

Para carimbar a presença na fase a eliminar que ditará o campeão da Eurockey Cup, Porto e Valongo, que já somavam duas vitórias, abordaram os seus derradeiros jogos de formas distintas.

Os dragões foram sempre cautelosos, pausados, certamente a pensar no que ainda falta jogar. Diogo Gomes, oportuno a isolar-se, fez o único golo da primeira parte e Diogo Lemos ampliou. Com a vitória na mão, o Porto descansou definitivamente e deixar-se-ia empatar nos derradeiros dois minutos. Lioann Gelebart bisou e o Quevert logrou um empate com pouca influência nas contas finais – a equipa gaulesa não logrou o apuramento – mas efusivamente celebrado.

O Valongo foi pressionante e intenso, sem deixar o Breganze criar qualquer tipo de perigo. Ironicamente, tal como o Porto, os valonguenses não conseguiriam mais do que um golo – por Guilherme Moreira - na primeira parte do jogo, confirmando o seu claro ascendente apenas nos primeiros cinco minutos da etapa complementar.

Vitor Oliveira, Gonçalo Machado e Guilherme Moreira dilataram para quatro golos de vantagem que afastavam qualquer veleidade da equipa italiana em conseguir outro desfecho que não a derrota e a equipa portuguesa pensou mais na partida dos “quartos”. Ettore Barbieri “pôde” então apontar o tento de honra dos italianos…

Nos quartos-de-final, o Valongo defronta o Paço de Arcos.

Os detentores da Eurockey Cup de Sub-15 estavam obrigados a vencer na derradeira partida da fase de grupos e não falharam. Aos cinco minutos, os pupilos de Ricardo Pereira venciam já por 2-0, com golos de David Fonseca e Guilherme Monteiro, e ampliaram pouco depois por Gonçalo Barreiros para uma tripla vantagem que guardaram até ao intervalo.

Na segunda parte, o Scandiano – também na disputa do apuramento – reagiu e com um bis do capitão Andrea Stefani fez perigar o triunfo luso. Mas, a três minutos do apito final, Guilherme Monteiro bisou para um 4-2 que era um rude golpe no ânimo transalpino e que colocaria o Paço de Arcos na fase seguinte.

O alinhamento para os quartos-de-final é o seguinte (em horas portuguesas):

• Reus vs Caldes • 8h

• Vilanova vs Dominicos • 9h10

• Valongo vs Paço de Arcos • 10h20

• Porto vs Trissino • 11h30

Todos os jogos do caminho para o apuramento do campeão serão jogados em Les Casernes, com transmissão em streaming via YouTube. Os links para as transmissões, bem como todos os resultados, podem ser consultados no site de competição.

As meias-finais serão jogadas ainda este sábado, às 17h15, garantidamente entre equipas espanholas, e às 18h30 com, pelo menos, uma equipa portuguesa.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade