Notícia

Golo solitário de Gonçalo Machado decide duelo luso

Nov 02, 2019

O jogo teve uma primeira parte com equilíbrio, ainda que com ascendente do Valongo, mais acutilante, mais directo. O Paço de Arcos, privilegiava a troca de bola, mas sem deixar de espreitar o contra-golpe.

A cinco minutos do intervalo, um dos campeões nacionais de Sub-13 da equipa, Gonçalo Machado – sempre perigoso – inaugurou o marcador, batendo Diogo Mendes que se cotou como um dos melhores em pista. Ainda longe do apito final, seria o único golo da partida.

Gonçalo Machado marcou o único tento da partida

Na segunda parte, o Paço de Arcos – privado de Rui Barbosa, que partiu um pé no aquecimento da derradeira partida da fase de grupos – voltou a surgir muito organizado e mais perigoso, ao passo que o Valongo incorria demasiadas vezes em lances individuais. O passar dos minutos mudou a forma de estar dos valonguenses, a trocarem bem a bola, usando o tempo de ataque, muitas vezes até se esgotar, para procurar o desequilíbrio da bem organizada defensiva contrária. Que não aconteceria.

A equipa da Linha, a defender o título conquistado em 2018 mas com um conjunto de jogadores quase totalmente diferente, tapava muito bem os caminhos para a baliza à guarda de Diogo Mendes. E, não sofrendo, esteve perto – nos minutos finais – da igualdade. Valeu então o guarda-redes Rafael Silva, a garantir o apuramento da equipa de Raul Alves para as meias-finais.

Na meia-final, a partir das 19h30, o Valongo defronta o vencedor da partida entre Porto e Trissino, sendo que os dragões, actuais campeões nacionais, partem com favoritismo para o duelo com os transalpinos.

Todos os jogos do caminho para o apuramento do campeão terão transmissão em streaming via YouTube. Os links para as transmissões, bem como todos os resultados, podem ser consultados no site de competição.

Caldes e Vilanova jogam primeira meia-final

Antes do duelo português por um lugar na final, há duelo catalão pelo outro lugar, entre Caldes e Vilanova.

O Caldes afastou no primeiro jogo do dia o Reus, numa partida que só ficou decidida no desempate por livres directos. Depois de um empate a uma bola, com ambos os tentos a serem conseguidos na segunda parte, o desempate não passou ao lado da polémica. O Reus pode queixar-se de uma bola que ressaltou dentro da baliza e saiu, valendo apenas para as contas finais um livre directo para o Caldes do treinador português Bruno Afonso.

Vilanova venceu o Dominicos e vai defrontar o Caldes nas meias-finais

Para defrontar o Caldes, o Vilanova – finalista em 2018 – venceu o Dominicos por 3-2. A equipa que é anfitriã deste torneio chegou a uma vantagem de dois golos numa primeira parte que ficou marcada pela expulsão do galego Luis Bouzada numa “discussão acesa” com Bernat Garcia, que “escaparia” apenas com azul.

O Dominicos ainda reduziu na primeira parte, mas, já na etapa complementar, Aleix Ferrer fez o terceiro para os da casa, num tónico anímico que seria determinante. O Dominicos voltou a reduzir, mas não conseguiu anular a vantagem do Vilanova.

A meia-final catalã joga-se a partir das 18h15 locais.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade