Notícia

Uma 'Copa' e regresso ao playoff na próxima temporada

May 08, 2020

Diz-se que, de Espanha, "nem bons ventos, nem bons casamentos". Já o modelo competitivo da principal categoria do Hóquei em Patins do país vizinho terá os seus méritos.

Entre discussões para subidas e descidas, a federação portuguesa anunciou esta sexta-feira - já para a próxima temporada - a remodelação do modelo competitivo da I Divisão e a criação de uma nova competição

O campeão nacional passará (voltará) a ser definido em playoff, não sendo no entanto adiantado, para já, o número de jogos a realizar em cada eliminatória na fase final. Certa será a realização de uma nova prova no final da primeira volta, com os oito melhores dessa primeira volta, "copiando" a histórica e mediática Taça do Rei do país vizinho.

Portugal terá prova semelhante à Taça do Rei e Coppa Italia no final da primeira volta.

Reafirmando a continuidade de um campeonato a 14, a federação fecha definitivamente a porta a um hipotético alargamento, ganhando força a "liguilha" a seis - com Paço de Arcos, Os Tigres, Física, Marinhense, Tomar e o vencedor de uma "pré" entre Famalicense e Parede - em que três ganham o lugar no escalão maior.

Regresso ao playoff

O playoff é defendido por muitos como o modelo mais apelativo e já foi jogado para decidir o campeão nacional no Hóquei em Patins. Em 2007, 2008 e 2009, o Porto conquistaria três dos seus dez títulos consecutivos desta forma, batendo Benfica (2007) e Juventude de Viana (2008 e 2009) nas três finais realizadas.

A decisão por playoff entre 2007 e 2009 foi lançada quando o agora presidente federativo Luís Sénica era Director Técnico Nacional e o modelo seria abandonado antes deste suspender a sua ligação federativa, assumindo o comando técnico do Benfica.

Espaço para a Elite Cup?

A nova prova anunciada segue, aparentemente e em traços gerais, os da Elite Cup, disputada no início da temporada desde 2016 com os oito primeiros da classificação da época anterior, tendo mesmo sido várias vezes equacionada a hipótese desta se realizar a meio do Campeonato.

Rui Carvalho, presidente da Associação Nacional de Clubes e impulsionador da Elite Cup, já assumiu que dificilmente haverá nova edição em Setembro próximo, e esta nova prova poderá mesmo fazer perigar um evento de reconhecidos méritos.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade