Notícia

Trissino renuncia às provas europeias

Jul 31, 2020

O Trissino anunciou que abdica da participação nas competições europeias na próxima temporada.

É um dos impactos esperados da pandemia, e o Trissino oficializa-o no dia em que terminam as inscrições para as competições europeias.

Apesar da aposta forte no reforço da equipa, que será orientada por Nuno Resende, o Trissino focar-se-á exclusivamente nas competições nacionais, abdicando das provas extra-muros.

Na época finda, com Sérgio Silva ao leme e com Reinaldo Ventura e Diogo Neves, o Trissino estava a um passo de carimbar a passagem à Final Four da Taça WSE, depois de, na primeira mão dos quartos-de-final, vencer o Dornbirn por 10-2. Mas não será o sonho europeu que move o emblema da provincia de Vicenza...

Reforçada com nomes como Caio (ex-Sporting), João Pinto e Davide Gavioli (ambos ex-Lodi), o clube apontava mesmo à participação na Liga Europeia, prova máxima de clubes, mas alerta para a necessidade de zelar pela saúde dos atletas e para a provável dificuldade de realização de algumas partidas, mormente em Portugal e Espanha.

O objectivo, ainda assim ambicioso, de Nuno Resende e seus "ragazzi" será vencer Série A1 - cuja campanha do Trissino tem arranque previsto para 11 de Outubro, frente ao Monza - e Coppa Itália.

Hockey Trissino 2020/21

Guarda-redes

Adrià Català e Claudio Zen

Jogadores de pista

Alessandro Faccin, Andrea Malagoli, Andrea Scuccato (ex-Breganze), Caio (ex-Sporting), Davide Gavioli (ex-Lodi), Emanuel Garcia, Gabriele Gavioli (ex-Correggio) e João Pinto (ex-Lodi)

Treinador

Nuno Resende (ex-Lodi)

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade