Notícia

Raul Marin 'empata' Barcelona

Nov 23, 2020

Foto de capa: Paco Largo @ FC Barcelona

No jogo grande da 9ª jornada, Barcelona e Reus “empataram-se” na perseguição ao Liceo. A “culpa” foi do ex-sportinguista Raul Marin.

Marin representou o Barcelona entre 2013 e 2015, mas sem nunca se afirmar definitivamente. Este domingo, de regresso a um palco a que já chamou “casa” reclamou para si os holofotes.

Raul Marin anularia as sucessivas vantagens do Barcelona ao longo do jogo. Respondeu ainda na primeira parte ao livre directo de Pablo Alvarez e, já na segunda, à grande penalidade de João Rodrigues que valia a vantagem blaugrana ao intervalo.

Numa partida com sinal mais do Barcelona, Pablo Alvarez bisou para o 3-2 a cinco minutos e meio do final, mas o dia era de Marin, que detém o recorde de golos numa edição da OK Liga. Dois minutos depois do tento de “Pablito”, Marin voltaria – pela terceira vez - repor a igualdade e bater a continência com que festeja os golos.

Com este empate, Barcelona e Reus continuam atrás (dois e quatro pontos, respectivamente) do Liceo, que já jogara (vencera o Vendrell por 5-0) para esta ronda e que têm menos um jogo. A equipa de Juan Copa pode amealhar uma vantagem importante numa temporada em que o título será decidido numa fase regular de 30 jornadas.

A par do Reus, segue o Lleida. Numa espiral negativa depois de um excelente arranque de temporada, a equipa de Albert Folguera não foi além de um empate a dois na pista do Taradell. Depois da derrota na recepção ao lanterna-vermelha Igualada na ronda anterior, o “pontinho” só foi garantido a dois minutos do fim. E, na próxima jornada, o Lleida visita o Palau Blaugrana.

Igualada e Noia irregulares

O “carrasco” do Lleida na jornada anterior quase não teve tempo de desfrutar do seu feito. Na visita a Vic, o Igualada sucumbiu por 4-1 e voltou a pegar na lanterna-vermelha, regressando ao último lugar da classificação.

César Vives apontou o único tento dos arlequins, abrindo o marcador. Depois, só deu Vic. Antoine Le Berre e Carles Sanchez (bisou) viraram para 1-3 ainda antes do intervalo e David Montero fechou as contas no arranque da etapa complementar.

Também sem conseguir estabilizar, está o Noia. A equipa orientada por Ferran López tem uma irregularidade tremenda, e desta feita perdeu em Lloret por 6-3. A equipa da capital da “cava” ainda esteve a vencer com um golo de Pol Manrubia nos instantes iniciais do jogo, mas o Lloret virou para um inusitado 4-1 ao intervalo, com destaque para o bis do alemão Max Thiel. Já na etapa complementar, e mesmo tendo defrontado o Liceo menos de 48h antes, o Lloret chegou ao 5-1. Depois geriu.

Regresso às vitórias para Caldes e Voltregà

De regresso às vitórias, está o Caldes. Depois de um empate (Reus) e duas derrotas (Lleida e Barcelona), o conjunto orientado por Edu Candami reclamou os três pontos em Mataró com um triunfo por 3-5.

O ex-portista e ex-sportinguista Sergi Miras – único reforço do Caldes para esta temporadas – indicou o caminho logo aos três minutos, e ao intervalo o Caldes vencia por 0-3. Cristian Rodriguez, que já marcara na primeira parte, ampliou no início da segunda para 0-4 e depois o Caldes soube segurar a vitória, apesar da boa reacção dos anfitriões.

O Voltregà conseguiu a primeira vitória pós-retoma. A equipa de Sant Hipólit vencera nas duas primeiras jornadas, mas foi forçada a um mês de paragem por casos positivos de SARS-CoV-2. Regressou com uma derrota frente ao Noia, empatou com o Girona e voltou a perder com o Liceo. Agora, na recepção ao Calafell, venceu por 4-2.

O Voltregà chegou a uma vantagem de três golos com tentos de Palazon, Teixido e Vargas. Eloi Mitjans reduziu antes do intervalo e faria perigar o triunfo do Voltregà quando reduziu para a diferença mínima já nos cinco minutos finais. Mas Gerard Teixidó bateria “Xano” Edo de livre directo para o 4-2 que acabava com qualquer dúvida.

Empate a meio da tabela

A meio da tabela, Palafrugell e Girona estavam separados por um ponto. E, depois de um empate a duas bolas, separados por um ponto continuam. O Girona somou o oitavo ponto em outros tantos jogos, ao passo que o Palafrugell já soma nove pontos em apenas seis jogos disputados.

De resto, o Palafrugell é uma das surpresas da prova. Os alvinegros só perderam frente ao Barcelona, em pleno Palau Blaugrana e na primeira jornada, somando depois três empates e duas vitórias. Em atraso estão os jogos, já agendados, com Lloret (1 de Dezembro), Liceo (8 de Dezembro) e Voltregà (16 de Dezembro).

OK Liga 2020/21

9ª Jornada

• Liceo 5-0 Vendrell

• Taradell 2-2 Lleida

• Vic 4-1 Igualada

• Mataró 3-5 Caldes

• Barcelona 3-3 Reus

• Voltregà 4-2 Calafell

• Palafrugell 2-2 Girona

• Lloret 6-3 Noia

Classificação

1º Liceo (24 pontos / 8 jogos), 2º Barcelona (22/9), 3º Lleida (20/9), 4º Reus (20/9), 5º Noia (13/9), 6º Caldes (10/6), 7º Voltregà (10/6), 8º Calafell (9/8), 9º Palafrugell (9/6), 10º Girona (8/8), 11º Lloret (6/7), 12º Vendrell (6/8), 13º Mataró (5/9), 14º Taradell (5/8), 15º Vic (4/8), 16º Igualada (3/6)

3ª Jornada

• Vic vs. Caldes • 24.Nov • 20h

4ª Jornada

• Lloret vs. Voltregà • 25.Nov • 20h

10ª Jornada

• Calafell vs. Palafrugell • 28.Nov • 18h

• Igualada vs. Taradell • 28.Nov • 18h30

• Noia vs. Liceo • 28.Nov • 19h30

• Vendrell vs. Vic • 28.Nov • 20h

• Girona vs. Lloret • 28.Nov • 20h30

• Caldes vs. Voltregà • 29.Nov • 16h

• Reus vs. Mataró • 29.Nov • 18h

• Lleida vs. Barcelona • 29.Nov • 20h

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade