Notícia

Liceo confirma estatuto de 'campeão de Inverno'

Jan 20, 2021

Foto de capa: HockeyGlobal Net

O Liceo completou a primeira volta da OK Liga com o impressionante registo de 14 vitórias e apenas um empate. Discutirá o título com o Barcelona. Com quatro jogos em atraso, há ainda duas vagas por decidir na Taça do Rei. #OkLiga #CopaDelRey

A 14ª vitória foi dificil de garantir. Frente a um Lleida que tem surpreendido, o Liceo sentiu dificuldades, mas a equipa de Juan Copa fecharia a primeira volta com mais uma vitória, num percurso praticamente imaculado.

Já na segunda parte, Maxi Oruste inaugurou o marcador e o inevitável Jordi Adroher ampliou. Oriol Vives, que já passou pelo Liceo, reduziu nos instantes finais.

Este triunfo é o culminar de um percurso ímpar do Liceo, "manchado" apenas por um empate, a 18 de Dezembro, na recepção ao Caldes.

A única equipa da OK Liga que não está sediada na Catalunha - e com a Corunha a 900 km em linha recta de Barcelona, dificilmente podia estar mais longe - bateu o seu recorde de vitórias consecutivas no arranque de uma OK Liga, venceu 14 das suas 15 partidas e, entre as sete deslocações desta primeira volta somou vitórias no Palau Blaugrana (3-4) e em Reus (1-3).

A vitória sobre o Lleida deixa os terceiros - Caldes e Lleida, a que se pode juntar o Reus - a 11 pontos e a corrida ao título é cada vez mais a dois, com o Liceo a procurar um título que lhe escapa desde 2013. Depois disso, o Barcelona, o outro candidato, venceu o principal campeonato espanhol por sete vezes consecutivas...

Barcelona passa em Voltregà

O percurso do Barcelona é quase tão perfeito como o do Liceo. Quase, por aquela derrota com os liceistas, a que se soma um empate na recepção ao Reus (3-3).

Os heptacampeões espanhóis estão a três pontos e somaram a sua 13ª vitória em Voltregà, por 1-5. Os portugueses João Rodrigues e Hélder Nunes ficaram em branco num jogo em que Pau Bargalló bisou e que, ao contrário do que o resultado final expressa, não foi um passeio.

Quando, a nove minutos do fim, Roger Font reduziu para 1-2, fez soar alarmes. A reacção, com dois golos em dois minutos, arrumou a questão.

Caldes a subir

Pé-ante-pé, o Caldes chegou ao pódio, ainda que em igualdade pontual com o Lleida (e desvantagem no confronto directo). A equipa que esta temporada só se reforçou com Sergi Miras tem protagonizado uma excelente prova, mas marcada por muitos jogos adiados que a levaram a fazer uma corrida de trás para a frente.

Desta feita, venceram em Noia, onde mora a grande desilusão da prova. Equipa de Liga Europeia, o Noia somou a sétima derrota e tem mesmo o seu lugar na Taça do Rei em risco.

O Caldes marcou logo no primeiro minuto - por Cristian Rodriguez - e o melhor que o Noia conseguiu foi restabelecer igualdade. Depois, o Caldes fugiu no marcador para um confortável 4-7 final. Sergi Miras e Ferran Rosa assinaram três golos cada.

Luta pela manutenção

Com duas partidas adiadas, os outros três encontros da noite tiveram o condão de colocar frente-a-frente seis das oito equipas da segunda metade da tabela.

O Palafrugell bateu o Taradell por 3-1 e continua na luta por um lugar na Taça do Rei. Já o Taradell ficou, com esta derrota, definitivamente afastado.

O Lloret venceu o Igualada por 5-3, com um hat-trick do jovem Marc Gonzalez, cedido pelo Barcelona.

O penúltimo, Vic, venceu em casa do lanterna-vermelha Mataró por 2-5, com três golos de Tirso Gomez, e distanciou-se do último lugar. Mas a manutenção - os quatro últimos descem directamente - continua a ser um objectivo complicado para a histórica equipa "rogiblanca".

Duas vagas para a Copa

Este dia 19 de Janeiro devia marcar o fim da primeira volta, deixando tudo definido para a Taça do Rei. Mas, com quatro jogos por realizar, três deles do Calafell, ainda há duas vagas em aberto.

Já apurados estão Liceo, Barcelona, Caldes, Lleida, Reus e Voltregà. Na corrida às outras duas vagas - mantendo-se, como previsto, a organização na Corunha pelo Liceo, estão Girona, Noia, Palafrugell e Calafell.

A Taça do Rei foi adiada para 10 a 13 de Junho.

Para se apurar, o Calafell terá de vencer o Girona e outro dos jogos em atraso. Curiosamente, contra os outros interessados: Noia e Palafrugell. De resto, com o Calafell no epicentro dos cálculos, quem lograr vencer a equipa de Pere Varias, vai à Copa.

O outro jogo em atraso, entre Vendrell e Reus, já não mexerá nas contas da Taça do Rei. O Vendrell está fora e o Reus, mesmo vencendo, não conseguirá um dos quatro primeiros lugares que vale o estatuto de cabeça de série - será de Liceo, Barcelona, Lleida e Caldes - no sorteio da prova que está agora prevista para 10 a 13 de Junho.

15ª Jornada

• Liceo 2-1 Lleida

• Noia 4-7 Caldes

• Lloret 5-3 Igualada

• Palafrugell 3-1 Taradell

• Voltregà 1-5 Barcelona

• Mataró 2-5 Vic

• Vendrell vs. Reus • adiado

• Girona vs. Calafell • adiado

Classificação

1º Liceo (43 pontos), 2º Barcelona (40), 3º Lleida (32), 4º Caldes (32), 5º Reus* (29), 6º Voltregà (21), 7º Girona* (19), 8º Noia* (17), 9º Palafrugell* (17), 10º Taradell (14), 11º Calafell*** (13), 12º Igualada (13), 13º Lloret (12), 14º Vendrell* (11), 15º Vic (10), 16º Mataró (5)

* menos um jogo, *** menos três jogos

Jogos em atraso da primeira volta

• Calafell vs. Palafrugell

• Calafell vs. Noia • 30.Jan • 18h

• Vendrell vs. Reus

• Girona vs. Calafell

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade