Notícia

Sete Taças, sete dobradinhas, 21 títulos consecutivos

Jul 12, 2021

Foto de capa: Sport Lisboa e Benfica - Modalidades

O Benfica venceu o Infante Sagres por 7-0 e arrecadou a sétima Taça de Portugal em outras tantas dobradinhas, numa hegemonia clara no feminino. No primeiro título de uma "nova era" no clube, Rui Costa marcou presença. #TaçaDePortugal #HóqueiFeminino

O Benfica era favorito na final com o Infante Sagres e confirmou categoricamente o estatuto que lhe era apontado, arrecadando a Taça de Portugal com um triunfo por 7-0.

Maria Sofia inaugurou o marcador logo no primeiro minuto e Flor Felamini ampliou aos oito, para uma vantagem de dois golos que subsistiria até ao intervalo. O Infante Sagres de Custódio Silva conseguira conter parcialmente os "estragos" do demolidor ataque das águias, mas o arranque da segunda parte seria fatal.

Marlene Sousa, capitã das águias, assinou três golos nos primeiros cinco minutos após o reatamento e "matou" o jogo. Mais tarde, Macarena Ramos e Inês Severino selaram um triunfo sem mácula perante uma jovem equipa portuense com muita margem para crescimento.

21 títulos consecutivos

Com a conquista da Taça de Portugal, o Benfica sela mais uma dobradinha, numa temporada em que o Sporting causou alguns calafrios, mas em que não logrou quebrar uma série impressionante - quase confrangedora - das águias.

Logo na primeira temporada da secção feminina encarnada, o Benfica de Paulo Almeida conquistou o título. Mas não ganhou a Taça de Portugal, a 14 de Julho de 2013, indo o troféu para São João da Madeira. No arranque da temporada seguinte, o Benfica conquistou a Supertaça. E não mais parou de conquistar títulos. Ganhou consecutivamente Supertaça, Campeonato e Taça para um total de 21 títulos em outras tantas provas nacionais disputadas.

Com a sétima Taça de Portugal conquistada, o Benfica iguala a Nortecoope em número de Taças, depois de já ter superado o projecto maiato em termos de campeonatos nacionais (agora oito contra cinco) e Supertaças (sete contra seis).

Rui Costa na comitiva

Na Ventosa do Bairro, Rui Costa chegou a desviar as atenções da disputa do troféu. O agora presidente do Benfica, no seu segundo dia de presidência, marcou presença naquela que é a primeira conquista do clube após o afastamento de Luís Filipe Vieira.

Na foto de celebração, para além de Rui Costa, é de assinalar a presença de Fernando Tavares, vice-presidente para as modalidades, e Rui Lança, director das modalidades de pavilhão das águias.

Meias-finais

• #1 • Infante Sagres 5-3 CACO

• #2 • Sporting 5-7 Benfica

Final

• Infante Sagres 0-7 Benfica

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade