Notícia

Passos para o desenvolvimento

Jan 13, 2022

Foto de capa: England Roller Hockey

Os presidentes das federações inglesa e espanhola reuniram tendo em vista, a médio prazo, a criação de um plano de acções e cooperação para o desenvolvimento do Hóquei em Patins. #Institucional

Kos Galtos, presidente da federação inglesa, reuniu esta segunda-feira com Carmelo Paniagua, presidente da federação espanhola e "chairman" do comité-técnico mundial de Hóquei em Patins.

"Foi uma reunião muito produtiva com o líder global do Hóquei em Patins. Estivemos quase três horas a discutir as alterações que estão a ser implementadas em Inglaterra para melhorar e aumentar as perspectivas da modalidade, e a falar sobre a necessidade de auxílio no desenvolvimento de jogadores, treinadores e árbitros", declaria Kos Galtos.

O encontro terminaria com o compromisso de reuniões regulares no sentido da criação de um plano de acções e cooperação, a ser publicado no relatório anual da federação inglesa, em Julho de 2022, ou ainda antes.

Depois do aparente entendimento com a EHCA, Carmelo Paniagua volta a dar sinais de abertura, sendo que a Inglaterra é um dos membros da UERH (Union of European Roller Hockey), constituída por federações ditas "mais fracas" e onde há muita margem para a modalidade evoluir.

O pai de Kos Galtos foi vice-presidente da FIRS (hoje World Skate) durante 24 anos e agora Kos assume a "responsabilidade" de voltar a dinamizar o Hóquei em Patins em Inglaterra.

Recorde-se que a Inglaterra foi a primeira grande potência do Hóquei em Patins, num domínio quebrado pela II Grande Guerra. Antes, entre 1926 e 1939, os ingleses conquistaram os 12 campeonatos da Europa disputados, sendo que, em dois deles (1936 e 1939), foram simultaneamente coroados campeões do Mundo.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade