Notícia

Agora, o desafio da WSE

Feb 05, 2022

Três dias depois de se terem defrontado para o campeonato, Juventude de Viana e Sanjoanense jogam para a Taça WSE frente aos catalães Igualada e Calafell. Os vianenses jogam em casa, a equipa de Vítor Pereira regressa à Catalunha. #TaçaWSE

A meio da semana, a Sanjoanense venceu em Viana do Castelo com um tento solitário de Pedro Cerqueira, mantendo viva a esperança da manutenção enquanto agudiza a crise de resultados da Juventude de Viana.

O jogo da 16ª jornada fora adiado em função do compromisso da Sanjoanense em Voltregà para a Taça WSE, que regressa já este sábado.

Colocando as preocupações do campeonato um pouco à margem, Sanjoanense e Juventude de Viana coincidem pela primeira vez à 4ª jornada, num calendário de prova marcado por folgas e ajustes de calendário.

A Sanjoanense estreou-se a 23 de Outubro com a recepção ao Voltregà (5-5), entrando em jogo os vianenses apenas a 11 de Dezembro em Valdagno, numa derrota por 6-2. A semana passada, com a Juventude de Viana a folgar, a Sanjoanense regressou à prova com um pesado desaire em Sant Hipólit de Voltregà (8-1) e, apenas uma semana volvida, embarcou de novo rumo à Catalunha.

Desta vez, o adversário da equipa de São João da Madeira no grupo C é um Calafell que é 7º na OK Liga e que conta com o internacional português "Xano" Edo e ainda Sergi Miras (ex-Sporting e ex-Porto) e Arnau Xaus (ex-Juventude de Viana), conhecidos dos palcos portugueses.

O jogo será de capital importância para os portugueses, dado que nova derrota colocará desde já a equipa de Vítor Pereira sem hipótese de conseguir um dos dois primeiros lugares que valem a passagem aos quartos-de-final.

No grupo B, o Valdagno - com três vitórias em outros tantos jogos - já está apurado para a fase a eliminar da segunda mais importante prova europeia de clubes. O outro lugar será discutido entre Juventude de Viana e Igualada.

Os catalães, onde Ton Baliu (ex-Porto) é referência, já jogaram duas vezes contra os italianos do Valdagno e apostarão tudo nas partidas com os vianenses. A Juventude de Viana, sem vencer para o campeonato desde 1 de Dezembro, ainda recebe o Valdagno (já a 12 de Fevereiro), podendo contar com alguma descontração dos já apurados italianos, mas será sempre fundamental conseguir bons resultados frente aos "arlequins" que outrora dominaram o Hóquei em Patins europeus. Recorde-se que o Igualada conquistou nada menos que seis Ligas Europeias nas sete edições realizadas entre 1992 e 1999.

Grupo A

Poiré Roller 5-4 Lleida • 23.Out

Lleida 8-3 Noisy • 11.Dez

Lleida 8-1 Poiré Roller • 29.Jan

• Noisy vs. Poiré Roller • 5.Fev

• Noisy vs. Lleida • 12.Fev

• Poiré Roller vs. Noisy • 5.Mar

Classificação: 1º Lleida (6 pontos / 3 jogos), 2º Poiré Roller (3/2), 3º Noisy (0/1)

Grupo B

• Igualada 2-3 Valdagno • 23.Out

Valdagno 6-2 Juventude de Viana • 11.Dez

Valdagno 4-2 Igualada • 29.Jan

• Juventude de Viana vs. Igualada • 5.Fev

• Juventude de Viana vs. Valdagno • 12.Fev

• Igualada vs. Juventude de Viana • 5.Mar

Classificação: 1º Valdagno (9 pontos / 3 jogos), 2º Igualada (0/2), 3º Juventude de Viana (0/1)

Grupo C

• Sanjoanense 5-5 Voltregà • 23.Out

Voltregà 2-3 Calafell • 11.Dez

Voltregà 8-1 Sanjoanense • 29.Jan

• Calafell vs. Sanjoanense • 5.Fev

• Calafell vs. Voltregà • 12.Fev

• Sanjoanense vs. Calafell • 5.Mar

Classificação: 1º Voltregà (4 pontos / 3 jogos), 2º Calafell (3/1), 3º Sanjoanense (1/2)

Grupo D

Quevert 6-1 Genève • 23.Out

• Genève 3-4 Quevert • 29.Jan

• Quevert vs. Follonica • 5.Fev

• Genève vs. Follonica • 12.Fev

• Follonica vs. Quevert • 5.Mar

• Follonica vs. Genève • 12.Mar

Classificação: 1º Quevert (6 pontos / 2 jogos), 2º Follonica (0/0), 3º Genève (0/2)

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade