Notícia

Arranca a corrida para os 'quartos'

Feb 19, 2022

Ainda com jogos em atraso, arrancam os oitavos da Taça de Portugal. O Porto tenta passar o 'tomba-gigantes' Alenquer e, na Luz, há duelo de primodivisionários - que tem sido equilibrado - entre Benfica e Valongo. #TaçaDePortugal

Óquei de Barcelos, Oliveirense, Sporting e Juventude Pacense ainda aguardam adversário em metade dos jogos dos oitavos-de-final da Taça de Portugal, mas este sábado há já as outras quatro partidas dessa fase da prova.

Póvoa e Oeiras defrontam-se, na certeza de que uma equipa da II Divisão estará desde já nos quartos-de-final, e o Académico da Feira tenta "bater o pé" ao primodivisionário Juventude de Viana depois de ter afastado o Paço de Arcos. Mas o destaque vai para duas partidas mais a sul.

Em Alenquer, em partida dirigida por André Portal e Teófilo Casimiro, há a visita de um Porto, líder da I Divisão e recordista de triunfos na "prova-rainha", mas - sem nada a perder - tal não atemorizará os comandados de Rui Henriques, que já afastaram os primodivisionários Marinhense (6-3) e Braga (9-5), reclamando o estatuto de "tomba-gigantes" da prova.

Afastado da I Divisão desde 2008, o último confronto do Alenquer com os dragões foi mesmo para a Taça de Portugal. E numa Final Four. Em Junho de 2014, o Porto venceu o Alenquer, em Turquel, por 7-3, e seguiu para uma final em que veria o troféu fugir para o Benfica.

Em busca de conquistas como essa de 2014 (venceria também em 2015) que parecem cada vez mais distantes, o Benfica recebe o Valongo, com arbitragem de João Duarte e João Catrapona, no primeiro confronto entre equipas da I Divisão na presente edição da Taça e o histórico recente promete equilíbrio.

Nas últimas três deslocações dos valonguenses à Luz, sempre para o campeonato, há uma vitória para os visitantes (4-5) em 2018/19, uma vitória dos anfitriões (6-2), inócua, dado que a prova seria cancelada, e um empate a três na pretérita temporada. Já esta época, no último duelo que tiveram, a equipa de Edo Bosch impôs - em Valongo - a primeira derrota para o campeonato a Nuno Resende, por 5-3.

Na Taça de Portugal, Benfica e Valongo encontraram-se em três edições. Em 1978, a duas mãos, o Benfica venceria fora por 1-3 e em casa por 4-2, a caminho da primeira Taça conquistada na sua história. Em 1994, na Luz, o Benfica voltou a eliminar o Valongo (8-4) a caminho de mais uma conquista. Já em 2013, em Valongo, a equipa então comandada por Paulo Pereira venceu por 6-5 e avançou para a Final Four. Cairia frente ao Porto (que venceria o troféu) nas meias-finais.

16-avos-de-final

Jogos em atraso

• CENAP vs. Tomar • 19.Fev • 16h30

• Infante Sagres vs. Valença • 19.Fev • 17h30

• Famalicense vs. Juventude Salesiana • 19.Fev • 18h

• Criar-T vs. Parede • 19.Fev • 18h

Oitavos-de-final

A definir

• Óquei de Barcelos vs. Criar-T ou Parede*

CENAP ou Tomar vs. Oliveirense

* possibilidade de inversão de visitado/visitante

I Divisão vs. I Divisão

• Benfica vs. Valongo • 19.Fev • 16h30

II Divisão vs. I Divisão

Famalicense ou Juventude Salesiana vs. Sporting

• Académico da Feira vs. Juventude de Viana • 19.Fev • 18h

• Alenquer vs. Porto • 19.Fev • 17h

II Divisão vs. II Divisão

• Juventude Pacense vs. Infante Sagres ou Valença

• Póvoa vs. Oeiras • 19.Fev • 18h

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade