Notícia

Últimos pontos da 20ª jornada ficam no Minho

Mar 10, 2022

A fechar a 20ª jornada, os pontos ficaram no Minho. A Juventude de Viana venceu um Tomar com o plantel debilitado e o Braga triunfou frente à Sanjoanense. #PrimeiraDivisão

Juventude de Viana e Braga reclamaram para si os pontos em disputa esta quarta-feira, vencendo, respectivamente Tomar e Sanjoanense.

Depois de sete derrotas consecutivas, a Juventude de Viana começa enfim, também "empurrada" por um percurso já digno de registo na europeia Taça WSE, a somar pontos às ordens de Reinaldo Ventura. Depois de um empate na recepção ao Braga, os vianenses venceram em Oliveira de Azeméis e, esta quarta-feira, venceram na recepção ao Tomar por 5-2.

Pedro Delgado ("Bekas") inaugurou o marcador aos três minutos e meio e a Juventude de Viana procurou sempre compassar o jogo, procurando evitar que o Tomar impusesse a sua velocidade. Não que os pupilos de Nuno Lopes estivessem em condições de o conseguir...

Já sem Filipe Almeida, a recuperar de intervenção cirúrgica, o plantel tomarense apresentou-se também sem Caio e com muitas debilidades físicas, com vários jogadores com febre e sem forças...

O Tomar veria Pedro Batista ampliar a oito minutos do descanso, numa picadinha de belo efeito, e Andrés Castaño fixar o 3-0 com que se chegou ao intervalo. A juntar às demais baixas, Francisco Veludo cedeu à febre ao intervalo e deu o seu lugar a António Marante - que também não estava bem... - para a segunda parte.

Na etapa complementar, a Juventude de Viana manteve a serenidade e foi controlando os acontecimentos e, fundamentalmente, o tempo de jogo. João Pedro assinou o 4-0 de livre directo (10ª falta) a pouco mais de 16 minutos do final e assegurava a vitória, ainda que, num assomo de brio, o Tomar até reduzisse para 4-2 com golos de Pedro Martins e Ivo Silva. Bekas, que abrira o marcador, fechou as contas.

Braga de novo nos lugares de play-off

O Braga vai mantendo uma dança com o Paço de Arcos pelo último lugar do play-off. Com três pontos somados, o lugar volta a ser dos bracarenses, agora com 26 pontos contra 24 da histórica equipa da Linha.

O capitão Gonçalo Meira deu o mote da ambição bracarense, marcando aos três minutos e meio e aos 11 para uma vantagem de dois golos dilatada, a seis minutos do intervalo, por António Trabulo. João Lima reduziria, fechando as contas de uma primeira parte com golos de três campeões do Mundo de Sub-20 de 2019, na China.

Na segunda parte, a Sanjoanense, em franca recuperação no campeonato, foi atrás de preciosos pontos, mas o golo de João Pedro Pereira a 14 minutos do final, apesar de relançar o jogo, foi insuficiente para evitar a tangencial derrota por 3-2.

No próximo fim-de-semana, o campeonato pára para os quartos-de-final da Taça de Portugal, mas, antes da 21ª jornada, a 19 e 20 de Março, a I Divisão ficará em dia, salvo imprevistos.

Nos jogos em atraso, o Marinhense recebe o Turquel no dia 12, o mesmo Turquel receberá o Tomar a 15 e o Benfica vai a Braga a 16.

20ª jornada

Paço de Arcos 4-1 Marinhense • 5.Mar

• Valongo 1-4 Oliveirense • 5.Mar

• Parede 2-5 Óquei de Barcelos • 5.Mar

Benfica 4-1 Porto • 6.Mar

Sporting 8-3 Turquel • 6.Mar

Juventude de Viana 5-2 Tomar • 9.Mar

Braga 3-2 Sanjoanense • 9.Mar

Classificação

1º Porto (49 pontos), 2º Óquei de Barcelos (48), 3º Sporting (44), 4º Benfica* (43), 5º Oliveirense (41), 6º Valongo (33), 7º Tomar* (30), 8º Braga* (26), 9º Paço de Arcos (24), 10º Juventude de Viana (17), 11º Sanjoanense (13), 12º Parede (13), 13º Marinhense* (11), 14º Turquel** (8)

*menos um jogo, **menos dois jogos

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade