Notícia

Play-off com 'quartos' à melhor de três

Aug 03, 2022

O planeamento disponível aquando do sorteio do Campeonato Placard levantou dúvidas sobre os 'quartos', com a possibilidade de cinco jogos. No entanto, o regulamento e novo planeamento dissipam dúvidas. #Questões #PrimeiraDivisão #Placard

A 26 de Julho, a Federação de Patinagem de Portugal publicava nova versão do planeamento para a temporada que agora se vai iniciar, abrindo a porta a uns quartos-de-final a cinco jogos, jogados a 6, 13, 17, 20 e 24 de Maio (inusitadamente com o jogo 3 a 13 e o jogo 2 a 17, relevante para a sede dos jogos, mas assumido como um lapso).

No entanto, o lançamento do Regulamento Geral e, posteriormente, novo planeamento revisto, afastaram essa possibilidade.

A dúvida ainda se manteve com a publicação de um planeamento em branco (apenas com o mês de Agosto) a 30 de Julho e, apesar de o Regulamento Geral - no ponto 5.2.2.1 do artigo 90º - publicado no dia 31 apontar uma disputa a três jogos, o que lá está escrito não tem vingado nas últimas temporadas...

Apesar das dúvidas levantadas, modelo da I Divisão mantém-se, com quartos-de-final à melhor de três e meias-finais e final à melhor de cinco.

Novo planeamento, datado de 2 de Agosto, veio repôr os três jogos preconizados, o que também corrige o final do campeonato. O agora Campeonato Placard arranca a 17 de Setembro, pára de 8 de Outubro (5ª jornada) a 26 de Novembro (6ª jornada) para o Campeonato do Mundo, e conclui a fase regular a 25 de Abril.

Os três jogos dos quartos-de-final do play-off estão agendados para 6, 13 e 17 de Maio (sendo que a Final Eight da Liga dos Campeões poderá obrigar ao adiamento do primeiro jogo para dia 10), as meias-finais para 20, 24, 28, 31 de Maio e 4 de Junho e a final a 8, 11, 14, 18 e 21 de Junho, antecipando uma possível "negra" em uma semana em relação ao planeamento que estava disponível quando o sorteio da prova foi realizado.

Com duas edições com play-off, os quartos-de-final do Campeonato só tiveram um terceiro jogo em cada edição, em ambas as ocasiões com as águias como protagonistas. O Benfica foi à "negra" com a Oliveirense em 2020/21 e com o Valongo em 2021/22. De resto, no computo das duas temporadas, só o Barcelos, esta época, logrou contrariar a classificação da fase regular para seguir para as "meias".

Sem Taça 1947

O planeamento revisto que confirma os quartos-de-final a três jogos, reitera também a ausência da Taça 1947, ainda sem explicação oficial.

O artigo 44º do Regulamento Geral até aponta a prova como uma das que têm "realização obrigatória", mas, na busca de justificação para um atropelo regulamentar, tal dever-se-á a um lapso de escrita e talvez o pretendido fosse "participação obrigatória".

Preço dos bilhetes

Entretanto, foram estipulados os preços dos bilhetes para a época 2022/23 das diferentes provas nacionais.

O Campeonato Nacional de Sub-23 e todos os campeonatos jovens (Sub-13 a Sub-19, masculinos ou femininos) deverão ter entrada livre, o Nacional de Seniores Femininos deve ter bilhetes de 1 a 5 euros, o Campeonato Nacional da III Divisão de 1 a 7 euros,

o Campeonato Nacional da II Divisão de 1 a 10 euros e o Campeonato Nacional da I Divisão (Campeonato Placard) de 1 a 13 euros. As Supertaça e Taça de Portugal, masculina e feminina, têm os preços tabelados de 1 a 10 euros .

A estipulação destes valores pretende, de alguma forma, evitar especulação sobre os preços, e a tabela é respeitada por clubes. Continua a ser estranho o valor fixado pela própria Federação de Patinagem de Portugal de 15 euros para a última final da Taça de Portugal quando o tecto já era de 10 euros na "prova-rainha".

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade