Notícia

Sorteio para um grande campeonato

Jul 31, 2015

Benfica, Porto, Oliveirense, Valongo, Sporting, Barcelos, Juventude de Viana, Paço de Arcos, Candelária, Turquel, Sanjoanense, Cambra, Física e Braga constituem o elenco para um dos mais aguardados campeonatos dos últimos anos, recheado de grandes equipas e grandes valores individuais.

O sorteio para o Nacional da I Divisão, época 2015/16, tem lugar esta sexta-feira na sede da Federação de Patinagem de Portugal, a partir das 18h, num evento onde serão sorteados também os calendários das zonas Norte e Sul da II Divisão e das Supertaças masculina e feminina.

Benfica é o vigente campeão nacional

À semelhança dos anos anteriores, o sorteio da I Divisão será condicionado. Os quatro primeiros classificados da última época – Benfica, Porto, Oliveirense e Valongo – só poderão jogar entre si nas últimas cinco jornadas de cada volta. De recordar que as quatro equipas que se posicionaram nos lugares cimeiros da pretérita temporada vencem todas as provas nacionais em que os primodivisionários estão envolvidos desde a conquista da Taça de Portugal em 2007 pelo Académico de Cambra.

O Nacional da I Divisão terá início a 3 de Outubro e tem ponto final previsto para 11 de Junho de 2016.

II Divisão também a sorteio

Depois de uma época de transição, com 15 equipas em cada uma das zonas, a II Divisão irá contar com 28 equipas, divididas entre Norte e Sul.

Cambra, Física e Braga ascenderam ao Nacional da I Divisão por troca com Tigres, Carvalhos e Póvoa, sendo que a almeirinenses e poveiros descem após apenas uma época no escalão maior.

À III Divisão desceram Gulpilhares, Mealhada, Fânzeres, Vasco da Gama, Alcobacense e Entroncamento. O acerto do número de equipas foi feito por aqui, sendo que à II Divisão foi assegurada a subida a “apenas” quatro equipas: CACO, a equipa “B” do Óquei de Barcelos, Académica de Coimbra e CAR Taipense.

Dérbi na Supertaça

Sorteada será também a ordem das equipas nas Supertaças, masculina e feminina. Este sorteio é meramente protocolar dado que os protagonistas das partidas já se conhecem e as mesmas realizar-se-ão em campo neutro.

A Supertaça masculina será disputada a 26 de Setembro num dérbi. Benfica e Sporting vão discutir pela terceira vez entre si o troféu que desde 1998 tem o nome de um ícone que brilhou nos dois clubes: António Livramento.

O Valongo venceu a Supertaça António Livramento em 2014, naquele que foi o ano de maior sucesso do clube

O Sporting, finalista vencido da Taça na época que findou, venceu a primeira edição em 1983 – precisamente frente ao Benfica – mas não mais voltou a vencer, tendo sido derrotado três vezes na decisão, a última das quais em 1995, com as águias.

Em 1985, o Sporting abdicou de disputar a Supertaça, sendo o Porto coroado administrativamente vencedor.

O Benfica terminou 2014/15 com a dobradinha e procura levantar a Supertaça pela oitava vez. Os encarnados não vencem desde 2012 (frente à Oliveirense), sendo este o título nacional que falta a Pedro Nunes ao leme da equipa da Luz.

O Porto segue intocável na lista de triunfos na prova, somando 19.

Benfica e Académica disputam Supertaça feminina

Na Supertaça feminina, agendada para 3 de Outubro, o Benfica procura a sua terceira vitória (consecutiva) na prova. Depois de uma época em que venceram tudo o que havia para vencer, aquém e além fronteira, as encarnadas procuram começar a nova temporada na mesma toada de vitória, defrontando a Académica de Coimbra.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade