Notícia

Sérgio Silva deixou o Bassano

Nov 26, 2015

O internacional português Sérgio Silva deixou o Bassano.

Apontada como uma das favoritas ao título transalpino, em particular depois da chegada do goleador Massimo Tataranni, reforço de última hora, o Bassano não começou bem o campeonato italiano. As derrotas com Matera (2-4) e Monza (3-2) levaram à saída precoce do técnico Enrico Bernardini.

Escolhido para o lugar de Bernardini foi Pino Marzella, que tinha sido substituído no Matera - já em plena pré-época – pelo português Nuno Resende. De forte personalidade, a histórica figura do hóquei patinado italiano não tardou a chocar com algumas figuras maiores do plantel “giallorosso”.

O Bassano é actualmente nono – fora dos lugares de acesso ao play-off - do campeonato italiano, a oito pontos do líder Forte. Com as saídas, deverá procurar um reforço para a defesa no mercado de Dezembro.

O primeiro a sair, no final de Outubro, foi o histórico capitão Giovanni Zen. Segundo avança a imprensa local, alguns compromissos assumidos e não cumpridos pela direcção poderão ter estado na origem do divórcio, sendo que a impossibilidade do jogador participar nas sessões de treino matinais por motivos profissionais – impossibilidade essa já conhecida no arranque da temporada – não terá sido aceite por Pino.

O regresso de Sérgio Silva ao Bassano, depois de representar os “vizinhos” de Breganze, foi fugaz

A terceira vítima do mau arranque de temporada e da reestruturação técnica foi Sérgio Silva. O português rescindiu o contrato que o ligava aos “bassaneses” e é um jogador livre, certamente com pretendentes neste mercado de Dezembro pese os seus 41 anos.

Sérgio Silva chegou ao Bassano em 2007, onde se juntou a Luís Viana e Ricardo Pereira. Em apenas duas épocas conquistou - para além de Campeonato, Taça e Supertaça - os adeptos e deixou saudades no seu regresso a Portugal.

Regressaria a Itália em 2012, mas ao Valdagno, depois de conquistar o campeonato em Portugal pelo Benfica, título que fugia aos encarnados há 14 anos. Após ter alinhado na época passada às ordens de Guillem Cabestany no Breganze, conquistando a Taça de Itália e chegando à Final Four da Liga Europeia, Sérgio voltou esta época a vestir as cores do Bassano… por pouco tempo.

Desafio europeu

Com um lugar na Liga Europeia em função de outras equipas terem abdicado da participação na maior prova europeia de clubes, o Bassano integra o grupo B e recebe no próximo sábado o Benfica em jogo a contar para a terceira jornada.

Os italianos somam uma vitória (7-5 sobre o Mèrignac) e uma derrota (pesada, 8-0 em Vic) e têm de vencer para continuar na corrida aos oitavos de final. Na ronda seguinte, a 12 de Dezembro, o Bassano desloca-se a Lisboa.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade