Óquei de Barcelos na final da Taça CERS

Por Nando Fontanet

Óquei de Barcelos na final da Taça CERS

#ABOUT Por Nando Fontanet, correspondente em Lleida.

A equipa portuguesa venceu o Club Patí Voltregà e é a primeira finalista.

A equipa de Paulo Pereira ultrapassou o Voltregà por 2-5 na primeira meia-final da Taça CERS de 2018. O pavilhão 11 de Setembre, de Lleida, assistiu a um jogo em que a equipa portuguesa dominou na primeira metade com um 0-3 inquestionável, uma superioridade que só foi ameaçada na etapa complementar, quando, a oito minutos do final, o Voltregà reduziu para a diferença.

Domínio português

A primeira parte teve uma equipa do Barcelos muito objectiva, a abrir com um golo muito cedo, da autoria de Zé Pedro, que superou Blai Roca de livre directo depois de um azul para Gerard Teixidó. Aos oito minutos João Almeida assinou o 0-2 num duelo com Roca, mostrando frieza para bater o guarda-redes. O 0-3 surgiu por Rúben Sousa, na transformação de uma grande penalidade, cometida sobre Juanjo. A primeira parte foi de claro domínio português, com total controlo do jogo.

Início de 'remuntada'... e 2-5

Se a primeira parte foi do Óquei de Barcelos, o Voltregà fez por merecer a 'remuntada'. Aos 13 minutos, Aleix Molas aproveitou a sobra de um lance de Xavi Crespo para reduzir para 1-3, e Èric Vargas, em lance individual, reduziu para 2-3, um resultado apertado que despertou o Barcelos. João Almeida, primeiro, e Juan Lopez, quase no final, selaram o desfecho da eliminatória, classificando o Óquei de Barcelos para a final deste domingo.

AMGRoller

Partilhe

Facebook Twitter AddToAny
Outros artigos do dia