Notícia

Duelo português em Itália

Feb 09, 2016

Fotos: Gabriele Baldi

Com 17 jogo cumpridos no principal campeonato italiano, esta jornada promove um duelo luso entre Mário Rodrigues (“Marinho”) e Nuno Resende.

“Temos uma partida difícil em casa com o Matera mas é uma partida que queremos vencer”, ambiciona Marinho para esta 18ª jornada. Mas Nuno Resende contrapõe. “Tudo iremos fazer para sermos competentes e conquistarmos os três pontos”, afirma, não esperando no entanto facilidades. “Sabemos que temos de sofrer, bem como sermos determinados e resilientes na tarefa”, planeia o técnico.

Marinho é o quarto melhor marcador do campeonato, com 26 golos; o argentino Lucas Martinez (Monza) continua a liderar, com 37 golos

Follonica e Matera estão separados na classificação por 11 pontos com vantagem para os anfitriões do último Mundial feminino, que visitam aquele que será o palco da próxima Taça Latina. O Matera está em quarto, com 36 pontos, tantos como o terceiro, Lodi, e a quatro do duo de líderes, Forte dei Marmi e Breganze. O Follonica, depois de um arranque prometedor, ocupa o sétimo lugar, com 25 pontos, mas em casa só perdeu uma vez. No entanto, já empatou em três ocasiões.

O Matera pode orgulhar-se de ser a única equipa a contar em 2015/16 com dois campeões do Mundo em título: Valentin Grimalt e Gonzalo Romero.

E um empate foi o que aconteceu na primeira volta, em Matera, a 31 de Outubro. Os pupilos de Nuno Resende estiveram a vencer por 3-1 mas acabaram por deixar fugir a vitória num jogo em que Marinho bisou. Agora, o momento das duas equipas é diferente. “Queremos voltar às vitórias depois de mais dois empates que nos afastaram dos primeiros”, lamenta Marinho. Por outro lado, o Matera vem de uma vitória estrondosa para a CERS por 10-0.

“Vale” Grimalt é um dos campeões do Mundo do Matera

A equipa orientada por Nuno Resende nem costuma ser particularmente goleadora. “É uma boa equipa, com um técnico português que está a fazer aqui em Itália um grande trabalho”, elogia Marinho. “Tem o guarda-redes da selecção argentina, campeão do mundo, que está a salvar a equipa em muitas partidas…”, destaca o internacional moçambicano já a antever um duelo particular. “Acima de tudo, são uma equipa coesa que está muito bem organizada pelo Nuno e está muito motivada”, vinca o goleador.

De facto, o Matera tem o pior registo ofensivo dos sete primeiros. Mas é a mais eficaz defesa, com apenas 38 tentos consentidos. O Follonica tem praticamente tantos sofridos (68) como marcados (72) mas Nuno Resende deixa também elogios ao adversário. “Está bem organizado e apresentar-se-á com qualidade”, garante. “É um adversário directo na luta pelos lugares de acesso ao play-off”, refere, aludindo aos oito primeiros lugares.

Nuno Resende

Tal como Marinho, Nuno Resende estreia-se esta época num campeonato que não tem tradição de portugueses no passado recente. Mas a experiência tem corrido pelo melhor. “Estou extremamente satisfeito com estes primeiros meses em Itália”, confidencia. “Tenho desenvolvido um trabalho conjunto com um excelente grupo de atletas e, juntos, conseguimos atingir os objectivos até agora definidos. Espero nos próximos meses contribuir para ajudar a manter a equipa no rumo pretendido e assim atingirmos os objectivos finais”, almeja.

O duelo entre os portugueses da Lega Hockey está agendado para as 20h45 locais.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade