Notícia

Copa del Rey será em Alcobendas

Dec 15, 2016

Fotos: Luis Miguel Velasco Hevia

A Taça do Rei - "Copa de Su Majestad el Rey" ou "Copa del Rey" - será disputada em 2017 em Alcobendas, Madrid.

Ainda carece de confirmação oficial e a agenda da Federação Espanhola de Patinagem (RFEP) ainda tem o local da edição de 2016, mas a localidade dos arredores de Madrid, cujo Polideportivo José Caballero foi palco do Europeu de Sub-17 em 2013 e do Europeu de seniores em 2014, irá receber entre os dias 23 e 26 de Fevereiro de 2017 a 74ª edição da Taça do Rei.

Em 2016, em Reus, o Barcelona conquistou a Taça ao bater o Vic na final por 4-1.

A Taça do Rei é o momento alto do calendário do Hóquei em Patins espanhol e esta é uma grande oportunidade de divulgar a modalidade na capital do país vizinho. A prova realiza-se desde 1944, em 73 edições ininterruptas, tendo assumido em 1999 o actual figurino, com oito equipas a discutirem a prova em sede neutra, disputando a vitória em eliminatórias consecutivas em quatro dias de muito e bom Hóquei em Patins.

A melhor série de conquistas remonta à década de 50. Entre 1954 e 1957, o Español venceu quatro finais de forma consecutiva, todas por 2-1.

O detentor do troféu é o Barcelona, num histórico que já conta com 18 vencedores diferentes. E, como noutros registos, o Barcelona lidera em número de triunfos. Soma já 20, à frente dos 11 triunfos do Espanyol e de um pelotão que repetirá esta época a presença de 2016. Liceo (9), Reus (7), Voltregà (5), Vic (4) e Vendrell (2) já sabem o que é vencer. Tal como Igualada, com duas conquistas e ainda a espreitar um lugar na "Copa"... mas não será nada fácil para os "arlequins".

Há uma vaga

As equipas apuradas são as oito primeiras no final da primeira volta da época, mas o Club Patin Alcobendas, apesar do seu 11º lugar (com os mesmos pontos do 9º), tem um lugar garantido na prova por via de uma regra que permite à federação espanhola ter a sede definida cedo.

Consumado o regresso à OK Liga, o clube madrileno não tardou a avançar com a proposta de organização que lhe garantia, se a candidatura fosse apresentada até 30 de Novembro (o que aconteceu) e o clube fosse da OK Liga (o que se verifica), um lugar entre os oito pretendentes ao "trono" . Certa é assim a presença do português Gonçalo Nunes, que chegou a Alcobendas neste mês de Dezembro. Henrique Magalhães (Liceo) e Pedro Henriques (Reus) têm também já a presença garantida, tornando esta edição na mais "portuguesa" de sempre.

Liceo - de Henrique Magalhães - já venceu a Supercopa e é candidato à conquista da Copa

Neste momento faltam disputar duas jornadas na primeira volta e já estão confirmadas sete equipas. Barcelona, Vic, Liceo, Reus, Voltregà e Vendrell já garantiram matematicamente nova oportunidade de conquistar a prova, e o Alcobendas estará presente como organizador.

O "bilhete" disponível está, para já, na mão do Lloret. Mas o lugar, ainda com seis pontos em disputa, tem vários interessados com aspirações legítimas. O Caldes está apenas a um ponto do Lloret para repetir a presença de 2016, enquanto Igualada (que também esteve na "fase final" de Reus) e o recém-promovido Girona estão a cinco. Também a cinco pode ficar o Lleida, se vencer o Alcoy no jogo que tem em atraso da 12ª jornada.

Chegado à OK Liga há um ano, Caldes espreita a segunda presença consecutiva na Taça do Rei

A OK Liga fecha a primeira volta já em 2017, numa jornada decisiva para a definição do elenco da Taça do Rei. Desde logo com um confronto directo entre Lloret e Caldes, os dois melhores posicionados na corrida. A não ser que a questão fique já arrumada com uma vitória do Lloret em Voltregà e um deslize do Caldes na recepção ao Alcoy nesta próxima 14ª jornada que se joga entre os próximos dias 17 e 21 de Dezembro por força das competições europeias.

Regresso a Alcobendas

A decisão da Taça do Rei acontece em Alcobendas pela quinta vez, com a curiosidade de nenhuma equipa ainda lá ter festejado mais do que uma vez. Em 1979 venceu o Barcelona, em 1990 o Dominicos, em 1997 o Liceo e em 1999 foi a vez do Vic.

Já Igualada e Reus têm razões para desconfiar do palco escolhido. Disputaram duas finais cada das quatro realizadas, sem conseguir arrecadar o prémio máximo.

Alcobendas, palco do Europeu em 2014, recebe a Taça do Rei pela quinta vez

Alcobendas está "plantada" no centro de Espanha, nos arredores da capital Madrid, e está a cerca de 600 km quer da Corunha, quer de Barcelona, principais focos do Hóquei em Patins do país vizinho. A decisão volta a sair da Catalunha depois de, em 2013, se ter realizado em Oviedo (Astúrias) e de em 2009 ter tido a Corunha (Galiza) como sede.

Competição

A Taça do Rei decide-se em quatro dias intensos. Quinta-feira (23 de Fevereiro) terão lugar duas partidas dos quartos-de-final, e sexta as outras duas. Seguem-se as meias-finais no sábado e a final joga-se domingo, dia 26.

Para definir o quadro de jogos é realizado um sorteio, que no entanto deixa pouco... à sorte.

Os quatro primeiros da primeira volta são cabeças-de-série (só o Barcelona tem esse estatuto matematicamente garantido) e não jogam entre si nos quartos-de-final. E já se sabe que, nas meias, o vencedor da eliminatória que tiver o primeiro classificado defronta o vencedor da eliminatória do quarto, potenciando assim uma final entre os dois primeiros da primeira metade do campeonato.

O sorteio ainda não tem data definida, mas o evento costuma fazer corar de vergonha outras organizações, sejam nacionais, europeias ou mundiais. Desde logo, a presença de representantes das equipas - pelo menos o treinador e um jogador sénior do plantel - é garantida, dado que é imposta por regulamento pela RFEP e aceite com naturalidade pelos clubes.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade