Notícia

Óquei sem Paulo Pereira 2 anos e sem Municipal 2 jogos

Sep 01, 2018

Uma das novidades anunciadas no sorteio das competições europeias foi passar a publicar-se as decisões do conselho de disciplina. Mas, enquanto tal não passa à prática, os castigos pendentes para a temporada que agora se inicia - no que a cometições europeias diz respeito - foram anunciados em bloco.

O Óquei de Barcelos viu no final desta semana confirmada a “vitória” na corrida à organização da Taça Continental e é também o “vencedor” no que a castigos diz respeito.

Jogo da final da Taça CERS valeu vários castigos a elementos do Óquei de Barcelos

Os barcelenses têm pendentes três multas que totalizam a avolumada soma de 10000 euros e, mais importante nesta altura, tem uma interdição de dois jogos da sua pista para cumprir. O que levanta algumas questões relacionadas com a organização da Continental, que poderão, eventualmente, ser ultrapassadas com o pedido de recurso.

João Almeida e Rúben Sousa enfrentam suspensão de três partidas.

Também pendentes estão as suspensões - no seguimento dos acontecimentos no final da derradeira partida da última edição da Taça CERS - dos atletas João Almeida e Rúben Sousa (punidos com três jogos cada), do adjunto Hugo Silva (quatro meses) e do mecânico Luís Salgueiro e do treinador Paulo Pereira com dois anos de afastamento cada.

Mais 9000 euros

Para além do Barcelos, com 10000 euros, há outras equipas a terem de desembolsar avolumadas somas para além de terem a sua pista interdita.

Porto, Follonica e Forte terão de cumprir um jogo de interdição da sua pista, acrescendo ainda uma multa de 2000 euros para Porto e Follonica e 3000 euros para o Forte, sendo que o Forte já recorreu do castigo.

A Juventude de Viana tem para pagar 2000 euros, mas não ficará privada da sua pista.

Castigo de Pla por cumprir

Noutros castigos as atletas, soube-se que Sergi Pla, do Igualada, ainda tem dois jogos para cumprir, apesar de já ter estado ausente – preventivamente – nos quartos-de-final da última edição da Taça CERS.

Já Jordi Del Amor teria de cumprir três jogos de castigo, mas anunciou a retirada da modalidade. E, no feminino, é apontado apenas como pendente o castigo a Elena Tomizzo (Molfetta), que não deverá participar nas competições europeias este ano.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade