Notícia

Luís Querido de regresso ao Óquei de Barcelos

Apr 07, 2019

Luís Querido regressará ao Óquei de Barcelos na próxima temporada.

A direcção do clube barcelense anunciou este domingo o regresso de Luís Querido na próxima temporada, dois anos depois de ter rumado a Itália e ao Lodi.

Aos 28 anos [completa 29 em Agosto], Luís Querido cumpre a sua segunda temporada às ordens de Nuno Resende. Depois do título conquistado na pretérita temporada, o campeonato transalpino entrará agora na fase de play-offs com o Lodi a partir com algum favoritismo depois de uma fase regular em que não registou qualquer derrota, terminando com 19 vitórias e sete empates. O adversário do Lodi nos quartos-de-final, à melhor de três, é o Trissino.

O Lodi esteve este sábado no João Rocha, naquela que terá sido a última aparição de Luís Querido nos palcos nacionais com a camisola do emblema italiano

Com 11 golos apontados na Série A1 até ao momento, Luís Querido tem sido principalmente importante na segurança defensiva do Lodi, a equipa menos batida da prova. No entanto, face à limitação de três estrangeiros, a aposta de Nuno Resende passará por, mantendo o argentino Valentin Grimalt na baliza, reforçar o ataque, estando certos o português João Pinto (Sporting) e o argentino Lucas Martinez (Breganze).

Formado em Barcelos, Luís Querido rumaria ao Liceo ainda com idade júnior, representando também o Barcelona no país vizinho. No seu primeiro ano de sénior, regressou a Portugal, representando o Porto Santo e Os Tigres, para regressar ao Óquei de Barcelos em 2012.

Luís Querido regressará a um Óquei de Barcelos a que está umbilicalmente ligado, tendo capitaneado a equipa a duas conquistas da Taça CERS

Com a braçadeira de capitão, Luís Querido ergueu as Taças CERS de 2016 e 2017 e tornou-se definitivamente numa figura incontornável da história do clube.

Em 2017 regressou à órbita das selecções nacionais, sendo chamado por Luís Sénica à Taça das Nações, em Montreux. Posteriormente, esteve nos trabalhos para o Campeonato da Mundo de Nanjing e para o Campeonato da Europa da Corunha, mas não seria escolhido para o lote final que viria a representar Portugal.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade