Notícia

«Todos demos um bocadinho de nós para sermos campeões»

Jul 20, 2019

Gonçalo Alves foi uma das figuras da selecção portuguesa. Fazendo jus ao título de melhor marcador do Campeonato Nacional, Gonçalo Alves logrou marcar em momentos importantes.

Assinou o golo do empate frente à Argentina na primeira fase, consumou a recuperação para 2-2 frente à Itália nos “quartos” e anulou a única vantagem espanhola no jogo das “meias”, apontando o primeiro tento luso no jogo. E, na partida decisiva, respondeu de imediato à grande penalidade convertida por Carlos Nicolia.

Golos importantes a que, no entanto, Gonçalo Alves não atribuiu um relevo especial. “A minha parte não foi mais relevante. Sinto-me um mais desta equipa, que ajudou a conquistar este Mundial. Fomos todos”, reforçou. ”Por exemplo, o Jorge hoje não pôde dar o seu contributo em pista, deu a partir da bancada, e todos demos um bocadinho de nós para sermos campeões do Mundo”, sublinhou, num triunfo que já antevia... sofrido.

“Sabíamos que íamos sofrer sempre para sermos campeões do Mundo. Sofremos nos quartos-de-final, na meia-final, e hoje não ia ser excepção. Foi um grande jogo de Hóquei em Patins. Ambas as equipas jogaram um Hóquei muito bonito, mas nós conseguimos sair vencedores, e é isso que é o mais importante”, destacou. “Agora, é disfrutar deste momento, que não sabemos quando vamos ganhar outro Mundial”, concluiu.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade