Notícia

Francesc Gil assume Direcção Técnica em Espanha

Sep 17, 2019

Francesc Gil será o novo Director-Técnico Nacional da Federação Espanhola de Patinagem, sucedendo no cargo a Quim Paüls.

Em Julho, findos os World Roller Games, fora anunciada a saída de Quim Paüls da Direcção-Técnica da FEP, órgão que superintende todas as disciplinas sobre a sua alçada, havendo a expectativa quanto ao sucessor.

O escolhido é Francesc Gil, que na passada sexta-feira completou 38 anos. Ex-jogador de Hóquei em Patins, Gil teve uma carreira preenchida, sendo internacional quer por Espanha, quer pela Catalunha.

Atacante irrequieto, “Cesc” estreou-se nos seniores pelo Cambrills, em 2000, e em 2002 rumou ao Vila-seca, ao serviço de quem se estrearia na OK Liga e onde ficaria até 2005. Foi aposta do projecto do Tenerife (2005/07), defendendo depois as camisolas de Lleida (2007/09), Reus (2009/10), Vilanova (2010/13) e Noia (2013/15). Retirou-se em 2017, depois de duas temporadas ao serviço do Vendrell.

No entanto, e apesar de ter conquistado Taça CERS (2014), Taça Continental (2009 e 2014) e Taça Intercontinental (2010), não é o seu palmarés como jogador que o leva agora ao cargo de Director-Técnico.

Em 2012, Francesc lançava o mais importante torneio jovem de clubes de Hóquei em Patins, com a primeira edição da Eurockey, em Sub-15, juntando 16 equipas em Vilanova i la Geltrù. O sucesso organizativo, reconhecido por todos os participantes e envolvidos, levou o empreendedor Francesc Gil a lançar a “versão” de Sub-17 (em Blanes), em paralelo com a de Sub-15, mantendo o nível de qualidade. “El jefe” – e a equipa que reuniu – não deixa qualquer pormenor ao acaso.

O reconhecimento da capacidade organizativa de Francesc Gil redundou no convite para ser coordenador desportivo do Mundial de Sub-20 que se realizou em 2015, em Vilanova i la Geltrù. E, quando a Catalunha voltou a receber outro grande evento, os World Roller Games, este ano, a escolha de Francesc como responsável máximo pelo Hóquei em Patins já não surpreendeu.

Agora, o desafio é maior. Para além do Hóquei em Patins, que abraçou como modalidade de eleição, Francesc Gil terá sob a sua alçada as outras 10 disciplinas que integram a FEP: Patinagem Artística, Hóquei em Linha, Patinagem de Velocidade, Freestyle, Roller Derby, Alpino, Skate, Roller Freestyle, Downhill e Trotinete.

Em Portugal, o homólogo de Francesc Gil é, desde Dezembro do ano passado, Nuno Ferrão.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade