Notícia

Noia e Barcelona protagonizam final inédita da Liga Catalã

Sep 03, 2020

Noia e Barcelona vão discutir o título da Liga Catalã Frit Ravich, depois de afastarem Igualada e Caldes.

O Noia derrotou o Igualada por 3-2, num jogo que teve emoção até final.

A equipa que este ano é orientada por Ferran López chegou ao intervalo a vencer por 2-0, com Roc Pujadas, figura do último Mundial de Sub-19, em destaque. O jovem que chegou do Manlleu neste defeso assistiu o capitão Aleix Esteller para o tento inaugural e depois marcou de livre directo o segundo golo do jogo.

Na etapa complementar, Roger Bars reduziu, mas Pol Manrubia, outro jovem a afirmar-se na equipa de Sant Sadurni d’Anoia, repôs a vantagem.

O Noia controlava o jogo, mas um remate de meia distância de Marc Palau, com menos de dois minutos para jogar, relançou a incerteza. O Igualada do ex-portista Ton Baliu procurou o empate, dispondo mesmo de um livre directo, mas o guarda-redes Martí Zapater esteve melhor que Bars.

O Barcelona ultrapassou o Caldes, naquela que foi uma reedição da última final. Desta feita, ao contrário da final de 2019, só resolvida no prolongamento, o triunfo blaugrana foi mais tranquilo. Por quatro golos sem resposta.

Ficando Sergi Llorca fora dos convocados e com Hélder Nunes e João Rodrigues no cinco inicial, o Barcelona adiantou-se com menos de meio minuto cumprido. Pau Bargalló transformou em golo um livre directo após azul a Xavi Rovira.

Apesar do Caldes mostrar o seu valor, a equipa de Edu Castro ampliaria antes do intervalo, com Pablo Alvarez a dar o melhor seguimento a uma assistência de Hélder Nunes.

Com nove faltas para cada lado no arranque da segunda parte, novo livre directo voltaria a ser fatal para o Caldes. Com três minutos cumpridos na etapa complementar, Pau voltou a não perdoar, desfeiteando mais uma vez Gerard Camps. Por outro lado, Egurrola evitaria o golo de Cristian Rodriguez…

A já dilatada vantagem levava a desconcentrações na equipa de Edu Candami, valendo um Barcelona perdulário para que a diferença no marcador não fosse ainda maior. A cinco minutos do final, Nil Roca fazia o quarto e, quando Sergi Miras dispôs de uma grande penalidade a meio minuto do derradeiro apito, já não havia forças anímicas para transformar em golo.

A decisão entre Barcelona e Noia é inédita, sendo que nas 15 edições da prova, o Barcelona já ergueu o troféu em seis ocasiões (as duas últimas nos últimos dois anos) e o Noia em uma, na edição inaugural, em 1989. Estaria presente em mais três finais (a última em 2017), mas não mais voltaria com o troféu para casa.

A final disputa-se este sábado, no Pavilhão Olímpico de Vic, a partir das 21h30 locais (20h30 em Portugal continental), com transmissão na Esport 3.

Liga Catalã 2020 - Fase Final

Quartos-de-final

• Girona 2-3 Caldes (2-2, 0-1 nos livres directos)

• Barcelona 5-2 Taradell

• Noia 6-5 Manlleu (3-3, 3-2 nos livres directos)

• Calafell 2-4 Igualada

Meias-finais

• Noia 3-2 Igualada

• Caldes 0-4 Barcelona

Final

• Noia vs. Barcelona • 5.Set • 21h30

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade