Notícia

FEP entra na 'corrida ao capacete' com o seu modelo oficial

Oct 14, 2020

A “corrida” a um capacete para os jogadores de pista de Hóquei em Patins só encontra paralelo, salvo as devidas proporções, na corrida ao espaço – entre americanos e soviéticos – dos anos 60.

Poucos dias depois da Federação Catalã ter votado a obrigatoriedade de uso do seu modelo de capacete na próxima temporada, em todos os escalões, em todas as competições sob a sua alçada, eis que a Federação Espanhola de Patinagem (FEP) anuncia, em parceria com uma desconhecida Prokover (lançada para o desenvolvimento deste capacete?), o seu modelo “oficial”.

No vídeo de apresentação surgem figuras como Jepi Selva, Sergi Miras ou Dava Torres e a FEP obrigará ao uso do seu modelo no escalão de “alevín” (10 e 11 anos) nas provas nacionais em 2021/22, prometendo que nos anos seguintes a obrigatoriedade será progressivamente alargada a outros escalões.

O modelo da FEP tem do seu lado um trunfo que pode ser decisivo: Carmelo Paniagua. O presidente federativo do país vizinho é também o “chairman” – o principal responsável – do Hóquei em Patins na World Skate, que regulamenta a modalidade ao mais alto nível. E que define, literalmente, as regras do jogo.

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade