Notícia

Tomar (in extremis) e Braga (dois meses depois) conquistam três pontos

Feb 04, 2021

Em lutas distintas, Tomar e Braga somaram três pontos importantes frente a Os Tigres e Turquel. Na cidade dos Templários, o triunfo só foi consumado nos instantes finais. #PrimeiraDivisão

As três equipas que estavam abaixo da linha de água jogaram esta quarta-feira. O Braga somou três pontos importantes frente ao Turquel. Os Tigres tiveram três pontos na mão, mas saíram de Tomar sem nenhum...

Era um confronto com objectivos bem diferentes. O Tomar procura garantir um lugar entre os oito primeiros e Os Tigres desesperam por pontos que lhe permitam deixar o último lugar e a zona de descida. Mas a partida entre 6º e 14º não espelhou a frieza da classificação.

Bem fechados, Os Tigres só sofreram um golo na primeira parte. A cinco minutos do intervalo, "Xanoca" inaugurou o marcador pouco depois dos nabantinos chegarem à nona falta. Quando chegaram à 10ª, Francisco Veludo negou o golo a Filipe Bernardino e segurou a tangencial vantagem até ao intervalo.

Na segunda parte, a habitual segurança do Tomar em casa - tendo já garantido um empate com o Porto e uma vitória sobre a Oliveirense - desabou. Os Tigres igualaram aos quatro minutos, por Bernardino, e fugiram aos 11, com golos de André Martins ("Keke") e Hernâni Domingos no espaço de um minuto.

O Tomar tremeu. Intranquilizou-se. Precipitou-se. Reencontrou-se na magia de Lucas Honório.

O jogador de 17 anos - que, cedido pelas águias, não poderá jogar no próximo domingo - foi aposta para dois livres directos, transformados em golo com execuções notáveis. Reduziu a oito minutos do final e igualou quando faltavam apenas dois.

A recuperação deu alento aos nabantinos para os momentos finais. Os Tigres tiveram oportunidade de voltar à liderança do marcador na 15ª falta dos da casa, mas Francisco Veludo não se deixou novamente bater por Hernâni Domingos. A meio minuto do derradeiro apito, a bola sobrou para Xanoca que, com tempo para armar um forte remate, bateu um Igor Alves que fizera por merecer pontos neste jogo.

Com mais três pontos, o Tomar está confortável no sexto lugar, com 11 pontos sobre a Sanjoanense, a primeira fora dos lugares do playoff. Os Tigres estão agora a seis pontos do primeiro acima da zona de descida, o Braga.

Braga vence mais de dois meses depois

Nas Goladas, Braga e Turquel juntaram-se a Óquei de Barcelos como as únicas equipas com os 17 jogos previstos já cumpridos. O Braga regressou às vitórias quase dois meses e meio depois e saiu da zona de descida.

O capitão Ângelo Fernandes deu o exemplo e inaugurou o marcador aos três minutos. Diogo Seixas ampliou, mas Vasco Luís reduziu de grande penalidade. Já na recta final da grande penalidade, um azul a Tiago Rafael deu oportunidade a Ângelo Fernandes de livre directo, mas o 2-1 persistiria até ao intervalo.

Braga não vencia para o Campeonato desde o dia 22 de Novembro.

Depois de um jogo com o Porto que mereceu um comunicado com críticas à arbitragem, voltou a viver-se nas Goladas um jogo conturbado.

O azul a Tiago Rafael foi o primeiro de cinco para o Turquel, somando-se mais dois para o Braga. Mas Diogo Almeida e Leonardo Pais evitaram que redundassem em golos. Miguel Vicente, Miguel Moura, André Moreira e Carlos Loureiro desperdiçaram livres directos antes que Ângelo Fernandes, de grande penalidade, ampliasse para 3-1.

Tiago Mateus também não levou a melhor sobre Leonardo Pais de livre directo e, em nova grande penalidade (com azul a Diogo Almeida), Ângelo fez o 4-1. Dois minutos depois, a oito do final, Afonso Lima, ainda com o "suplente" Gonçalo Duarte entre os postes, fez o 5-1 e matava definitivamente o jogo.

Nos derradeiros quatro minutos, o Braga desperdiçaria, por Miguel Moura e Afonso Lima, mais dois livres directos e veria o Turquel reduzir, de grande penalidade, por Afonso Severino. Mas os três pontos - os primeiros somados às ordens de Tó Neves - ficavam na cidade dos Arcebispos.

Os três pontos permitem ao Braga destacar-se do Turquel e passar o Riba d'Ave, mas os ribadavenses têm menos dois jogos.

O Campeonato prossegue no fim-de-semana, com cinco jogos em agenda e destaque, no sábado, para o duelo entre os dois primeiros - Óquei de Barcelos e Porto - no Dragão Arena e, no domingo, para a deslocação do Benfica à difícil pista do Tomar.

Sporting (com Turquel) e Oliveirense (com Sanjoanense) têm os seus jogos adiados por casos positivos de SARS-CoV-2 e consequente isolamento profiláctico.

14ª Jornada

• Braga 5-2 Turquel

16ª Jornada

• Tomar 4-3 Os Tigres

Classificação

1º Óquei de Barcelos (42 pontos, 17 jogos), 2º Porto* (38) 3º Sporting** (33 pontos), 4º Benfica** (32), 5º Oliveirense*** (30), 6º Tomar* (27), 7º Valongo** (21), 8º Juventude de Viana* (19), 9º Sanjoanense* (16), 10º Famalicense** (15), 11º Braga (13), 12º Riba d’Ave** (12), 13º Turquel (10), 14º Os Tigres* (7)

* menos um jogo, ** menos dois jogos, *** menos três jogos

18ª Jornada

• Juventude de Viana vs. Braga • 6.Fev • 12h

• Porto vs. Óquei de Barcelos • 6.Fev • 15h

• Os Tigres vs. Valongo • 6.Fev • 16h

• Riba d'Ave vs. Famalicense • 6.Fev • 21h

• Tomar vs. Benfica • 7.Fev • 15h

• Sporting vs. Turquel • adiado

• Sanjoanense vs. Oliveirense • adiado

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade