Notícia

Lodi 'despista-se' em Monza e perde liderança

Mar 08, 2021

O Lodi perdeu na pista do antepenúltimo, Monza, e perdeu a liderança da Serie A1 para o Forte. Bassano e Follonica sobem na classificação à custa de um Valdagno derrotado em Sarzana. #SerieA1

Após pausa para os antecipados quartos-de-final da Coppa Italia - em que Lodi, Follonica, Forte e Sarzana garantiram o lugar na Final Four - a Serie A1 regressou para a sua 21ª jornada. E com mudança na liderança.

O Lodi, com apenas uma derrota nos últimos 13 jogos, foi surpreendido na pista do Monza, que venceria por 4-2. Davide Nadini, de 21 anos, seria o "homem do jogo", com um hat-trick naquela que foi apenas a quinta vitória dos pupilos de Tommaso Colamaria na presente temporada.

Com o deslize, os "gialorossi" viram a liderança fugir para o Forte que, seguro e autoritário, venceu o Scandiano, penúltimo da classificação, por claros 10-3. O catalão Martí Casas assinou um "poker", ao passo que Federico Ambrosio se ficou por um hat-trick, suficiente para continuar destacado na lista de melhores marcadores. O italo-argentino soma agora 34 golos, mais quatro que Casas e Domenico Illuzzi. Foi a quinta vitória consecutiva da equipa de Alberto Orlandi que, nos últimos 20 jogos, apenas perdeu um... para o Trissino de Nuno Resende.

O Trissino somou também a sua quinta vitória consecutiva, na recepção ao Correggio. No jogo que encerrou este domingo a jornada, Caio bisou no triunfo por 6-2, merecendo também destaque o tento de Emanuel Garcia, a marcar pela oitava ronda consecutiva.

Bassano e Follonica sobem um lugar

Na sua espiral negativa, o Valdagno de André Centeno tinha um desafio complicado de retoma no "Vecchio Mercato" de Sarzana. E somaria o nono jogo sem vencer para a Serie A1, o terceiro a perder.

O Sarzana, quarto na classificação, chegou ao 3-0 com apenas 15 minutos jogados. Na etapa complementar, De Oro fez o 3-1 e Centeno até reduziu para a diferença mínima com mais de 16 minutos para jogar, mas o 3-2 já não sofreria mais alterações.

A derrota custa, de uma assentada, dois lugares ao Valdagno, passado por Bassano e Follonica.

O Bassano vencera a meio da semana, em jogo antecipado, em Montebello. O bis de Tataranni não evitaria a derrota para a equipa de Nuno Paiva por 3-2, com os  três estrangeiros do Bassano - o galego Pablo Cancela e os catalães Marc Coy e Pol Galbas - a marcarem um tento cada.

O Follonica de Sérgio Silva foi categórico frente ao lanterna-vermelha Breganze, vencendo por 8-1 com destaque para o bis de Oscar Bonarelli (18 anos) e o tento de Serse Cabella (19).

Na corrida a um lugar no playoff, o Sandrigo aproximou-se do Montebello. Frente a um Grosseto que estava apenas a um ponto, o Scandiano venceu por inapeláveis 3-8, com Cacau a marcar quatro e Diogo Neves (tal como Alberto Pozzatto) a bisar. O Scandiano passa a somar 28 pontos, a quatro dos 32 de Montebello, que ocupa a última vaga para o decisivo playoff.

21ª jornada

• Montebello 2-3 Bassano

Monza 4-2 Lodi

Sarzana 3-2 Valdagno

Follonica 8-1 Breganze

Forte 10-3 Scandiano

• Grosseto 3-8 Sandrigo

Trissino 6-2 Correggio

Classificação

1º Forte (49 pontos / 21 jogos)

2º Lodi (47 / 21)

3º Trissino (45 / 21)

4º Sarzana (42 / 21)

5º Bassano (37 / 21)

6º Follonica (36 / 21)

7º Valdagno (35 / 21)

8º Montebello (32 / 21)

9º Sandrigo (28 / 21)

10º Grosseto (24 / 21)

11º Correggio (21 / 21)

12º Monza (18 / 21)

13º Scandiano (5 / 21)

14º Breganze (1 / 21)

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade