Notícia

Oito golos para o octacampeonato

Jul 04, 2021

Foto de capa: Sport Lisboa e Benfica

O Benfica sagrou-se este domingo octacampeão nacional de femininos, ao vencer o Sporting na "negra" por 8-5. A argentina Flor Felamini foi a figura do derradeiro jogo do campeonato, com um póquer. #NacionalFeminino

Foi curiosamente com oito golos que a equipa feminina do Benfica selou o oitavo título de campeão nacional consecutivo.

Depois de um segundo jogo em que não houve golos nos regulamentares 50 minutos, Ana Catarina Ferreira deu início às "hostilidades" logo no primeiro minuto da "negra", mas as encarnadas puxaram dos galões de forma cabal. Marlene Sousa, Flor Felamini a bisar e Maria Sofia Silva viraram o marcador para 4-1 em nove minutos.

No entanto, pese a desvantagem, as leoas também mostraram extraordinária capacidade de reacção. E ao intervalo, com tentos das internacionais portuguesas Rita Lopes e Rute Lopes (que já foram campeãs pelo Benfica) e da internacional brasileira Adriana Costa, vingava a igualdade no marcador.

Estava tudo em aberto e por decidir nos segundos 25 minutos.

Flor Felamini - que estará de saída para o Vila-Sana da OK Liga - desequilibrou o marcador e paulatinamente as águias dilataram a sua vantagem. Marlene fez o 6-4 e Maria Sofia o 7-4. Sofia Moncóvio ainda reduziu, mas caberia à goleadora Maria Sofia Silva fechar as contas e carimbar - definitivamente - a conquista do título numa época em que as encarnadas provaram o sabor da derrota duas vezes frente às leoas: uma na primeira fase e outra já na final, nas grandes penalidades.

Findo o campeonato nacional, as rivais lisboetas voltarão a encontrar-se já no próximo sábado, dia 10, nas meias-finais da Taça de Portugal. Apesar da falta de confirmação oficial, a Final Four deverá ter lugar no Pavilhão de Ventosa do Bairro, no concelho da Mealhada.

Campeãs de águia ao peito

Na hora de contar títulos de campeãs nacionais ao serviço do Benfica, a guarda-redes Maria Celeste Vieira bate a concorrência. A única das "fundadoras" da secção que se mantém na Luz passa a somar oito "escudos", ao passo que a capitã Marlene Sousa, no Benfica desde 2014, soma o sexto título. A chilena "Maca" Ramos, que chegou à Luz em 2015 mas teve um interregno em 2018/19 na OK Liga, alcançou o seu quarto título, enquanto Maria Sofia Silva, a mais profícua da temporada, soma o segundo.

Este é o primeiro título de campeãs para as argentinas Agustina Fernández e Flor Felamini e para Beatriz Figueiredo, Catarina Pedro e a guarda-redes Rita Albuquerque, todas reforços das águias para esta temporada. Bem como para Sofia Contreiras, que chegou em 2019 mas viu esse primeiro campeonato não chegar ao seu epílogo, e para Inês Severino que, estando no Benfica desde 2013, só esta temporada tem idade para representar as seniores femininas.

Benfica 2-1 Sporting

• #1 • Sporting 3-5 Benfica

• #2 • Benfica 2-3 Sporting (0-0, 1-1 prol, 1-2 gp)

• #3 • Benfica 8-5 Sporting

Classificação final

1º Benfica

2º Sporting

3º Sanjoanense

4º Académica

5º Infante Sagres

6º Carvalhos

7º Stuart

8º Vilafranquense

9º Vila Boa do Bispo

10º CENAP

11º Académico da Feira

12º CACO

13º Arazede

14º Tojal

15º Académico

16º Gulpilhares

17º Antes

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade