Notícia

Primeiro passo dado com dificuldade

Sep 20, 2021

O Barcelona de João Rodrigues e Hélder Nunes sofreu para vencer em Voltregà no início da caminhada para o que pode ser o "enea". O Girona de Miguel Fortunato venceu um Caldes que continua irreconhecível. #OkLiga

Não será inédito na história do Barcelona, que logrou 13 títulos entre 1997 e 2010, mas um possível nono campeonato consecutivo será mais uma página de uma história de domínio. A caminhada começou este sábado, com um triunfo difícil, em Voltregà.

Gerard Teixidó abriu o marcador no primeiro minuto e ampliou aos 13 e o Voltregà quase obrigava o Barcelona, na ressaca da derrota na decisão da Supercopa e sem Nil Roca, a recolher em branco aos balneários. Valeu um golo de Pau Bargalló, já no derradeiro minuto antes do descanso.

De regresso dos balneários, o Voltregà foi aguentando estoicamente as investidas blaugrana, mas acabaria por ceder nos derradeiros oito minutos. Ignacio Alabart igualou e Bargalló consumou a reviravolta que iniciara para os primeiros três pontos da equipa de João Rodrigues e Hélder Nunes.

Miguel Fortunato também somou três pontos. Na estreia do internacional jovem português na OK Liga, o Girona vincou o mau início de época do Caldes, que já fora uma desilusão na Liga Catalã e na Supercopa. O conjunto de Edu Candami, terceiro na última edição, mas agora orfão de Sergi Miras, adiantou-se, por Borja Giménez, mas veria o Girona dar a volta com dois golos de Gerard Pujol.

Também o Noia, outra das equipas "desistentes" da Liga Europeia (apesar de nem sequer ter conquistado o direito desportivo a participar...), não entrou com o pé direito na principal competição nacional. Em Palafrugell, sem golos na primeira parte, Sergi Canet "estragou" a estreia do reforçado Noia. Canet respondeu ao tento inaugural de Eloi Mitjans e voltou a anular nova vantagem visitante depois do golo de livre directo de Roc Pujadas.

Já o Reus conquistou três importantes pontos, no triunfo mais dilatado da primeira jornada e que lhe garante o arranque na frente. Em Les Comes, o Igualada procura evitar os dissabores da temporada passada - com a manutenção em risco até perto do final -, mas aos oito minutos já perdia por 0-2, com o "reforço" Raul Marin (muito tempo lesionado na pretérita temporada) e o reforço David Gelma (ex-Girona) a marcarem para os "roginegros".

Na resposta, Gerard Riba reduziu ainda na primeira parte e, já na segunda, Marc Palau e Ton Baliu viraram o marcador. No entanto, os arlequins não conseguiram segurar a vantagem. Com outros argumentos, o Reus decidiu a contenda a seu favor. Marc Julià bisou aos 10 minutos, recolocando a equipa de Jordi Garcia na frente, e assinaria ainda mais um golo, nos derradeiros seis minutos para alguma tranquilidade. Joan Salvat fechou as contas no 3-6 final.

Noutra luta, entre recém-promovidos, o Manlleu do ex-benfiquista Joaquin Fernandez venceu o Alcobendas por 6-4, com hat-trick do capitão Biel Pujadas. Pol Franci (Manlleu) e Miguel López (Alcobendas) bisaram.

Recorde-se que, no arranque da jornada - e da prova - o Alcoi tinha surpreendido o Calafell com uma igualdade a quatro, ficando por realizar o embate entre Lleida e Liceo, o jogo grande desta ronda, devido à participação do Lleida na Taça Continental.

1ª jornada

• Calafell 4-4 Alcoi

Manlleu 6-4 Alcobendas

• Voltregà 2-3 Barcelona

• Palafrugell 2-2 Noia

• Igualada 3-6 Reus

Girona 2-1 Caldes

• Lleida vs. Liceo • adiado

Classificação

1º Reus (3 pontos)

2º Manlleu (3)

3º Girona (3)

4º Barcelona (3)

5º Alcoi (1)

6º Calafell (1)

7º Palafrugell (1)

8º Noia (1)

9º Liceo* (0)

10º Lleida* (0)

11º Voltregà (0)

12º Caldes (0)

13º Alcobendas (0)

14º Igualada (0)

* menos um jogo

Inline content
Ficha Técnica
Estatuto Editorial
Contacte-nos
BackOffice
Política de Privacidade